Fachada do MPRJ, no centro da capital - Reprodução internet
Fachada do MPRJ, no centro da capitalReprodução internet
Por O Dia
Rio - O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO/MPRJ), e a Polícia Militar realizam uma operação, na manhã desta sexta-feira, para cumprir 69 mandados de busca e apreensão contra denunciados por tráfico de drogas. Os mandados são cumpridos no Rio de Janeiro, Valença, Barra do Piraí e Rio das Flores

O MPRJ informou que após uma investigação conjunta, 36 pessoas ligadas à facção criminosa Comando Vermelho (CV) foram denunciadas pelos crimes de tráfico de drogas e associação ao tráfico. Segundo o órgão, os denunciados atuavam na preparação, produção, aquisição, venda, transporte e fornecimento de drogas em Barra do Piraí e Valença. Ainda segundo o ministério, muitas vezes, os crimes aconteciam com a participação de adolescentes e uso de armas de fogo.

As investigações apontam que a principal forma de comunicação entre os envolvidos era pelo celular. Os áudios foram captados e a denúncia descreve com detalhes as condutas criminosas de cada um dos envolvidos. Fábio de Oliveira Ferreira, vulgo Java, é apontado como o líder da quadrilha. De acordo com o MP, ele coordenava diversos setores, como os gerentes do tráfico, pessoas em quem confiava, os responsáveis por recolher e transportar o dinheiro obtido com a venda de drogas.

Fábio André Martins Silva, Gabriel Alcântara da Silva, Andréa Martins Silva Ramos, Roberta Paes de Alcântara Moreira, Denner de Campos de Oliveira, Denis Gabriel de Carvalho Silva e Willer de Oliveira Santos também foram denunciados e são apontados como gerentes do tráfico, coordenando a atividade dos outros integrantes. Também foram identificados os responsáveis pelo recolhimento do dinheiro, contabilidade e aquisição de armas pela quadrilha.

A denúncia foi recebida pelo Juízo da 1ª Vara da Comarca de Valença, responsável pela expedição dos mandados requeridos pelo MPRJ.