Pague o IPTU e leve a casa alagada

Morador de Guaratiba há 15 anos, seu Elbert ficou com a casa debaixo d'água. Um prejuízo que não dá nem pra contar

Por O Dia

Morador tem a guia do IPTU, mas sofre com os alagamentos
Morador tem a guia do IPTU, mas sofre com os alagamentos -

Isso porque o bairro Jardim Maravilha... Pena que de maravilha ele não tem nada... Só problema! Com o carnê na mão, seu Elbert Ferreira, que mora na Rua Cachoeira Alta, em Guaratiba, há 15 anos, mostra a situaação desastrosa que ficou a sua casa depois das fortes chuvas que atingiram todo o Rio. Tudo de baixo d'água... Um prejuízo que não dá nem pra contar.

Sofá, cama e até um botijão de gás ficaram boiando em meio da água podre, misturada ao esgoto, que invadiu as casas com tanta força e não deu nem tempo de controlar.

"De oito anos pra cá isso virou rotina. Falta saneamento, coleta de lixo e sobra bueiro entupido. É muito ruim pagar imposto com tanta luta que a gente tem e não receber um retorno", conta seu Elbert. E é bem isso aí mesmo... A fé e boa-vontade do carioca são testadas o tempo todo.

O carioca apanha a vida inteira, muitas vezes calado.. Sabe por quê? Porque não é a primeira vez que acontece! E não será a última, se depender dos nossos governantes... Eles não dão ouvidos às angústias da nossa população. Se não fosse a gente gritando, eu não sei nem o que seria...

Oito anos acontecendo a mesma coisa! Não é possível que não existam políticas de prevenção para as chuvas no Rio de Janeiro...

Todo ano ela é aguardada, mas nada é feito! Ao invés de investimentos, fazem cortes.. Não dá pra entender! Quem vai ressarcir o prejuízo do Seu Elbert, que está com o pouco que restou da casa escorada em madeiras?

Na hora de enviar o boleto pra que as taxas sejam pagas, vocês fazem rapidinho... Já trabalhar pra dar um pouquinho de dignidade ao povo que tanto sofre vocês não querem, né?

Seu Elbert, assim como tantas outras famílias, vai precisar reconstruir seu lar... A gente torce pra que seja logo, e espera que a próxima chuva não chegue tão cedo. 3,2,1... É DEDO NA CARA!

Pingo no I

Quem conhece o viaduto de Madureira, sabe que ali não é só o reduto do baile charme do Rio, mas de todo o Brasil... E ao invés do baile que sempre acontece por lá, outro evento promete fazer a favela descer em peso amanhã! A Kombi do "Impulsione com o Facebook", que disponibiliza oficinas gratuitas de marketing digital para empreendedores de favelas. O programa já rodou o Brasil e agora vai para a última etapa.

Com o objetivo de ajudar a desenvolver micro e pequenas empresas no Brasil, o evento pretende levar 800 pessoas para a sede da CUFA. Está tão bombado que foi preciso dividir em duas sessões!

Especialistas das redes sociais vão estar lá, prontos para instruir os moradores de favelas a utilizar todas as ferramentas. Sempre com foco em aumentar vendas e fazer a empresa crescer. "O morador de favela tem vocação para o empreendedorismo e as plataformas sociais ajudam a concretizar ideias e negócios", diz a diretora da CUFA, Elaine Caccavo. Bora colocar o Pingo no I. Talentos existem em qualquer lugar!

Tá feio!

Os pacientes do Hospital Getúlio Vargas têm que aturar elevador e ar-condicionado quebrados. Segundo parentes de Gabriel Mendes, internado no CTI desde o dia 31 de janeiro, a situação é insuportável. Com a quebra do elevador, o jovem não pode ser transportado para o centro cirúrgico. "Até agora ele não foi operado. Meu sobrinho está com fraturas pelo corpo, inclusive no crânio, e nada é feito"€, conta a tia, Viviane Macedo. Gabriel ainda está com pneumonia.

A Secretaria de Saúde do Estado informou que Gabriel vem sendo acompanhado por uma equipe multidisciplinar, que aguarda melhora do quadro clínico para fazer a cirurgia. Esclareceu ainda que não houve interrupção no atendimento quando o elevador passou por reparos e que o ar-condicionado do CTI funciona normalmente. Já a família diz que o aparelho de ar só está na ventilação. Por isso, se você me perguntou se tá feio ou tá bonito... A gente tá de olho, pronto pra cobrar mais, e tenho dito.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários