BATE O MARTELO, AÍ!

Favoráveis ou contra, pais esperam definição sobre a volta às aulas

Por O Dia

Professor Bernardo Medeiros
Professor Bernardo Medeiros -
A gente já falou aqui várias vezes que muitos pais são favoráveis e outros são contra reabrirem as escolas... E o dilema só aumenta! Pelo visto, vai continuar até que esse martelo seja batido. Tá demorando, né? Ninguém chega num consenso.

É muito difícil afirmar quem está certo ou errado nessa história... Afinal, o medo existe, sim, verdade, só que todos sabem bem onde o calo aperta.

Por isso, nada melhor do que conversar com quem realmente sabe da sua necessidade... O povo! E aí, volta ou não volta?

Em uma live na minha rede social, o papo foi de quase 40 minutos com pessoas aleatórias... Umas do time 'abre!', outras adeptas do 'deixa fechado!'.

A jornalista Thaís Faccioli, mãe do Thiago, de 6 anos, afirmou que o menino não volta de jeito algum em 2020. “Eu tô muito segura da minha decisão. Este ano ele não volta. Ele ainda é muito novinho, sei que vai ter dificuldade com a máscara, com os amigos”.

Já a seguidora Flávia Araújo, mãe de um menino de 5, pensa o oposto. Disse que não vê problemas no retorno, mas que deve ser aos poucos. “Acho normal. Infelizmente, ninguém respeitou a quarentena no Rio. Medo todos temos”, confessou.

Eita dúvida, hein! Toda opinião deve ser respeitada, mas alguns pontos precisam ser esclarecidos... Tem todo um prejuízo aí que vai além do financeiro... É o intelectual, o psicológico.

A psicóloga Rachel Rebouças explica que qualquer atitude vinda dos pais é compreensível, já que é primeira vez que o mundo passa por uma situação assim. “É uma ansiedade muito grande. As pessoas têm medo de pagarem pra ver, por medo do que é novo”. Ela ainda recomenda que é preciso que o assunto seja falado entre as famílias e que as crianças também sejam ouvidas.

Uma outra questão levantada pelas mães é que os parquinhos estão aí, as crianças convivem nas áreas comuns de prédios. Os pais voltaram a trabalhar! Essa convivência não seria muito mais organizada nas escolas? É pra se pensar...

Cada um que tome a decisão melhor para a sua família. E que as autoridades se posicionem de forma efetiva... É importante para o planejamento dessas famílias.

PINGO I

Ah não, gente... Greve na pandemia é demais! O INSS só pode estar de sacanagem com a população. Quatro datas já foram anunciadas para a reabertura nesse período e agora eles vêm com essa? Os funcionários afirmam que é uma greve “sanitária”... Pra um serviço que já é capenga pra caramba!

Todo mundo está com medo do vírus, mas falar que não pode voltar a trabalhar por isso, é desaforo. Todo mundo tá na luta, enfrenta transporte cheio e vocês aí adiando um serviço tão importante? Me poupe! O mundo tá girando e a necessidade tá aí.

O que não falta é medida de prevenção... Muitas empresas fizeram sanitização! Daqui a pouco vocês vão falar que só voltam quando a vacina chegar.

Bora colocar o Pingo no I...

Alguém tem que mandar nessa história! É preciso regra. O povo à deriva é que não pode ficar.

TÁ BONITO!

Ô sorte que ainda existe gente boa e disposta a ajudar... Ainda mais na pandemia!

A maioria das crianças tem uma certa dificuldade na Matemática. Por isso, o professor Bernardo Medeiros, morador do Barreto, em Niterói, sentiu a necessidade de ajudar de alguma forma quem fica perdido com tanto número. Ele lançou um curso online grátis, com 90 vagas para alunos a partir de 14 anos, cursando do nono ano em diante.

“Eu não pude ajudar com dinheiro na pandemia, então essa foi a forma de colaborar quem tanto está sofrendo com toda essa situação”, conta ele.

As vagas estão abertas e a página para informações é www.facebook.com/professorbernardomedeiros/

Se você me perguntou se tá feio ou tá bonito... Educação é maior que qualquer dinheiro, e tenho dito!

Comentários