Na segunda etapa da campanha de vacinação contra a febre aftosa, serão imunizados os animais com até 24 meses de vida - divulgação
Na segunda etapa da campanha de vacinação contra a febre aftosa, serão imunizados os animais com até 24 meses de vidadivulgação
Por O Dia

Rio - A Secretaria de Agricultura de Campos dos Goytacazes vai iniciar amanhã a primeira etapa da campanha de vacinação contra febre aftosa. Em um primeiro momento vão ser oferecidas vacinas para os pequenos produtores — com até 70 cabeças de gado. A distribuição será gratuita. A expectativa é que sejam vacinados de 23 a 25 mil animais.

O pontapé inicial da campanha acontecerá no Assentamento Zumbi I, na Usina São João, às 9h. E a primeira etapa seguirá até 31 de maio. Segundo o secretário de Agricultura, Nildo Cardoso, além febre da aftosa, haverá imunização contra clostridiose (manqueira) e raiva animal.

"É muito importante que todos os produtores vacinem seus rebanhos para que os animais fiquem livres da doença e aptos à comercialização. A secretaria de Agricultura está disponibilizando, gratuitamente, a vacinação para os pequenos produtores, ou seja, aqueles com até 70 cabeças", avisa.

Conforme o secretário, o município foi dividido em quatro Agências de Desenvolvimento Regional (ADRs). A ADR I compreende o Norte da cidade, onde fica a maior parte do rebanho. Já a ADR II abrange toda a área urbana da cidade até o Travessão. A ADR III cobre as regiões Sul e Serrana, de Dores de Macabu até as localidades do Imbé, enqunato a ADR IV se estende por toda a Baixada Campista. No total, serão seis equipes que vão trabalhar simultaneamente no município.

A Secretaria de Agricultura informa que os médios e grandes criadores ficarão responsáveis pela compra da própria vacina, mas vão receber acompanhamento da Defesa Agropecuária. Atualmente, o rebanho bovino e bubalino (búfalos) tem cerca de 270 mil cabeças registradas. Há 21 anos o Estado do Rio é considerado livre de febre aftosa com vacinação.

 

Você pode gostar
Comentários