Mulheres comandam sozinhas linha de ônibus em São Paulo

Segundo gerente de operações, elas não chegam atrasadas, falam menos e tratam melhor o cliente do que os homens

Por gustavo.ribeiro

O Dia Internacional da Mulher nunca foi tão comemorado na linha de ônibus 609J-10 (Metrô São Judas/ Aeroporto), que circula na capital paulista. Desde o mês passado, somente motoristas mulheres operam os coletivos dessa rota.

Linha de ônibus é operada só por mulheresDivulgação

Segundo o gerente de Operações da empresa Tupi, responsável pela linha, a decisão de colocar só mulheres surgiu a partir de uma análise sobre o comportamento feminino no ambiente de trabalho.

“Com base em alguns estudos, verificamos que as mulheres, mesmo responsáveis pelas tarefas domésticas, têm mais comprometimento com o emprego”, disse Ernandes dos Santos à revista Marie Claire. “Não chegam atrasadas, faltam menos e tratam melhor o cliente [passageiro]”, acrescentou o gerente de Operações.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia