Por Irma Lasmar
SÃO GONÇALO - A Secretaria de Desenvolvimento Social deu posse aos integrantes do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência (Copede), no Auditório da Guarda Municipal, localizado no antigo 3° B.I., na Venda da Cruz. Foram nomeados 12 conselheiros para o biênio 2021/2023. O conselho, que tem como principal função planejar, elaborar e formular políticas públicas para as pessoas com todos os tipos de deficiências no município de São Gonçalo, conta na atual gestão com uma sala na Secretaria.
"Fico muito feliz de conseguir, em tão pouco tempo, implantar uma estrutura física para esse conselho, que tem uma missão muito importante para a cidade de São Gonçalo. Acredito muito no empenho de todos para dar mais dignidade aos que necessitam e vamos avançar nessas políticas publicas", frisou o secretário municipal de Desenvolvimento Social, Wagner Ventura.
Publicidade
Com metade dos membros oriunda da sociedade civil e a outra indicada pelo governo em prol de um único objetivo, os conselheiros estão esperançosos por dias melhores nesta pauta. "Há mais de uma década luto pelas crianças do Jardim Catarina e, depois de tanto tempo de dificuldades, de não ver as coisas indo para frente, estou animada que com este governo e estes conselheiros a história seja diferente", comentou a conselheira Analice Nunes, do Centro de Integração Analice Nunes.
O subsecretário de Desenvolvimento Econômico e também conselheiro Alex Asth reiterou a missão do núcleo: "Nosso principal objetivo é implementar políticas públicas, trazer mais acessibilidade ao nosso município e alinhar essas ações ao desenvolvimento da nossa cidade. Precisamos seguir empenhados para vencer várias questões sociais que o município enfrenta".