No Brasil, as hepatites virais mais comuns são as causadas pelos vírus A, B e C. 

 - Agência Brasil
No Brasil, as hepatites virais mais comuns são as causadas pelos vírus A, B e C. Agência Brasil
Por Eric Macedo
No mês da conscientização sobre as hepatites virais, comemorado no dia 28 de julho, a prefeitura de São João de Meriti lança campanha nas redes sociais para alertar a população da doença. O Ministério da Saúde alerta que atualmente, mais de 500 mil pessoas convivem com o vírus C da Hepatite e ainda não sabem, já que se trata de uma doença silenciosa que geralmente não apresenta sintomas até que atinja maior gravidade.
As hepatites virais são infecções que atingem o fígado e causam alterações que vão de leves a graves. Os sintomas são: cansaço, febre, mal-estar, tontura, enjoo, vômito, dor abdominal, pele e olhos amarelados, urina escura e fezes claras. “Por isso, é importante que se sentir quaisquer desses sintomas, procure um posto médico rapidamente. Previna-se!” informa em post no facebook a prefeitura.
Publicidade
As hepatites virais são infecções que atingem o fígado e causam alterações que vão de leves a graves e, na maioria das vezes, agem de forma silenciosa. - Divulgação
Formas de prevenção das Hepatites Virais:
Publicidade
Segundo o Ministério da Saúde, a vacina é a principal medida de prevenção contra a hepatite B, sendo extremamente eficaz e segura; usar preservativo em todas as relações sexuais; não compartilhar objetos de uso pessoal, tais como lâminas de barbear e depilar, escovas de dente, material de manicure e pedicure, entre outros.
Não existe vacina contra a hepatite C. Para evitar a infecção é importante:não compartilhar com outras pessoas qualquer objeto que possa ter entrado em contato com sangue (seringas, agulhas, alicates, escova de dente, etc);