Covid-19 assusta o Brasil - Internet
Covid-19 assusta o BrasilInternet
Por O Dia
Saquarema - A Prefeitura de Saquarema divulgou o Boletim atualizado de acompanhamento do Coronavírus.
Segundo a Secretaria de Saúde, os óbitos em investigação estão em testes para COVID-19. O material colhido está em análise e as famílias dos suspeitos estão sendo monitoradas.
Publicidade
Os pacientes dos casos confirmados de COVID-19 são moradores do município e estiveram em isolamento desde que apresentaram os primeiros sintomas. Desses 49 casos confirmados, 30 pacientes já estão recuperados.
Faixa etária - casos confirmados:
00 a 09 - 01 (Jardim Ipitangas)
10 a 19 - 01 (Barreira)
20 a 29 - 03 (Barra Nova, Bacaxá, Boqueirão)
30 a 39 - 20 (Gravatá, Bacaxá, Barreira, Madressilva, Jardim, Rio da Areia, Retiro, Itaúna, Jardim Ipitangas e Porto da Roça)
40 a 49 - 09 (Sampaio Corrêa, Jardim, Porto da Roça, Bacaxá e Palmital)
50 a 59 - 06 (Boqueirão, Leigo, Bacaxá, Areal e Nova Itaúna)
60 a 69 - 06 (Jardim, Bacaxá, Porto da Roça e Barreira)
70 a 79 - 02 (Porto da Roça)
80 a 89 - 01 (Sem bairro informado - coleta no RJ)
90 a 99 - 00
Sobre os casos suspeitos do boletim, a prefeitura informou que estão em testes para COVID-19: os pacientes estão isolados aguardando resultados das análises.
Publicidade
O município teve dois casos inconclusivos notificados, que devem ser testados novamente. São residentes da cidade, mas o material para análise não foi colhido em Saquarema.
Desde o dia 1º de março de 2020, foram notificados 185 casos, divididos em SRAG, suspeitos e confirmados. Até o momento, 83 casos já foram descartados para COVID-19.
Publicidade
Os números divulgados pelo boletim do Estado do Rio de Janeiro podem apresentar diferença para o nosso boletim, já que o Estado não separa os números de casos confirmados, dos números de óbitos confirmados por COVID-19. O nosso boletim municipal apresenta os números detalhados separadamente para confirmados e para óbitos por Coronavírus. A diferença pode ocorrer também por conta dos nossos resultados de testes rápidos, que podem demorar para entrar no sistema estadual.