Condenado foi preso menos de 24 horas depois da expedição do mandado  - Divulgação
Condenado foi preso menos de 24 horas depois da expedição do mandado Divulgação
Por Paula Valviesse
Publicado 17/09/2020 21:32 | Atualizado 17/09/2020 21:36
Um homem, de 25 anos, condenado pelos crimes de lesão corporal e estupro, na forma da Lei Maria da Penha, contra a ex-companheira, foi preso na tarde desta quinta-feira (17/09) pela Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) de Nova Friburgo. Ele foi detido pelos agentes da especializada, sob comando da delegada Carla Ferrão, no bairro Lagoinha.

O crime aconteceu em 2019, sendo o acusado preso em flagrante também por agentes da especializada. No entanto, ele conseguiu o benefício de responder o processo em liberdade.

Com a condenação, o mandado de prisão foi expedido pela Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, da Comarca de Nova Friburgo, na noite desta quarta-feira (16/09) e, em menos de 24 horas, ele foi localizado e preso.

Segundo a Deam, o acusado não aceitava o fim do relacionamento e, na ocasião do flagrante, agrediu a ex-companheira com socos e chutes, atingindo inclusive, por várias vezes a cabeça da vítima. Após as agressões, ele ainda estuprou a vítima, usando de violência ao segurá-la pelo pescoço, forçar o ato sexual e ainda cobrir a boca da ex-companheira para impedi-la de gritar.

Ele foi encaminhado para a sede da Deam, de onde será transferido para uma unidade prisional.
Você pode gostar
Comentários