Preparador físico do Voltaço, Paulo Fagundes  - Divulgação
Preparador físico do Voltaço, Paulo Fagundes Divulgação
Por O Dia
Volta Redonda - Com a paralisação do Campeonato Carioca por conta da pandemia do coronavírus, o Volta Redonda Futebol Clube liberou todos os atletas para irem para casa.
Mas pensando na volta do Campeonato Carioca que está prevista, a princípio, para 15 dias, a comissão técnica do Esquadrão de Aço montou uma programação de treino para os jogadores realizarem durante este período.
Publicidade
O preparador físico do Voltaço, Paulo Fagundes explicou que o planejamento montado terá treinamentos diários, mantendo o volume que os atletas fariam se estivessem treinando normalmente. Paulo Fagundes disse que a ideia é manter o volume de treinamento que a equipe estava realizando.
“Vamos montar o trabalho e colocar em um quadro semanal. Terá aquecimento, alongamento e trabalhos físicos, com treinamentos aeróbicos, de força e resistência. A ideia é manter os jogadores com um volume alto de treinamento, mais ou menos dentro do volume que estávamos fazendo diariamente. Claro que, como não teremos o trabalho com a bola, vamos precisar aumentar um pouco a intensidade da parte física”, afirmou Paulo.
Publicidade
Não é somente na parte física que os atletas precisarão ter cuidado durante este período de paralisação. O nutricionista do time, Elton Bicalho também montou uma série de recomendações que os jogadores deverão seguir, como, por exemplo, evitar frituras e comidas gordurosas; ingerir frutas e verduras e beber muita água.
O nutricionista Elton Bicalho enviou para uma série de recomendações para os atletas seguirem em casa.
Publicidade
“Neste período é importante a conscientização do processo que o mundo está passando. Entretanto, não podemos esquecer que, em breve retornaremos nossas atividades, e é importante voltarmos bem, minimizando os prejuízos que podem vir por conta desta paralisação. Todos sabem os sacrifícios que tiveram que fazer para atingir as metas, são atletas profissionais e tenho a certeza que irão se cuidar “, afirmou o nutricionista tricolor.