Volta Redonda investe R$ 1,2 milhão para melhorar abastecimento de água nos bairros da região do Roma - Felipe Carvalho
Volta Redonda investe R$ 1,2 milhão para melhorar abastecimento de água nos bairros da região do RomaFelipe Carvalho
Por O Dia
Volta Redonda - Com um investimento de cerca de R$ 1,2 milhão, o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Volta Redonda, atua na ampliação do sistema de abastecimento de água potável para os bairros da região do Roma. Cerca de 40 mil moradores serão beneficiados com a obra que é resultado de Parceria Público Privada (PPP) com o grupo que constrói um novo empreendimento imobiliário às margens da Rodovia dos Metalúrgicos.
Segundo as informações do Saae, a previsão para conclusão de todas as etapas da obra, iniciada em junho passado, é de quatro meses. O diretor do da autarquia, José Geraldo Santos, o Zeca, informou que a obra hoje está concentrada na elevatória do bairro São Geraldo, próxima a um Shopping.
Publicidade
“No local, está sendo construída uma subestação de Energia Elétrica de 500 kVA (Kilovoltampere); será feita a substituição de dois conjuntos de moto bombas, garantindo 330 mil litros de água por hora, triplicando a quantidade fornecida hoje; além de comandos elétricos e comandos de automação. Também serão implantados 400 metros de rede de distribuição”, explicou Zeca.
Também segundo o Saae, a obra ainda terá outras duas etapas. A construção de subestação nas proximidades da cabine da Polícia Militar, na Rodovia dos Metalúrgicos, próxima à entrada do bairro Vila Rica/Tiradentes, que vai atender, principalmente, os empreendimentos Alphaville e Jardim Mariana; além de uma elevatória no Parque Empresarial João Pessoa Fagundes, também às margens da rodovia, que vai garantir abastecimento ao Reserva do Vale.
Publicidade
A ampliação no sistema de distribuição vai beneficiar o Roma I, Roma II, Parque das Garças, Rio das Flores, Condado do Ipê e Santa Bárbara, que hoje formam a região; os bairros Jardim Tiradentes, toda a região do Jardim Belvedere, Tiradentes e Vila Rica; além dos condomínios em implantação, Reserva do Vale, Alphaville e Jardim Mariana.
O Saae, já executa a construção de 4,5 km de rede de água que vai atender as cerca de 50 famílias do Núcleo Santa Bárbara, na região do Roma. A obra é realizada em convênio com o Governo Federal, por meio da Funasa (Fundação Nacional de Saúde) do Ministério da Saúde.
Publicidade
O prefeito Samuca Silva disse que os investimentos para melhorar o abastecimento de água potável na cidade sempre foram prioridade.
“Garantir o acesso da população à água potável é uma forma de investir em saúde e na qualidade de vida da população. Estamos desatando vários nós da cidade e o de um abastecimento mais eficiente é um deles”, disse o prefeito.
Publicidade
Samuca citou outras obras importantes para cidade que também são executadas pelo Saae. Entre elas a construção de 3,5 mil metros de rede de água potável ao longo da Estrada Francisco Torres, entre os bairros Voldac e São Luiz, em fase de conclusão, vai melhorar o abastecimento para cerca de 40 mil moradores dos bairros São Luiz, São Sebastião, Califórnia, São Luiz da Barra, Fátima, União e São Francisco. Para isso, em janeiro deste ano, o Saae-VR trocou a bomba de abastecimento, o painel e o motor, aumentando a potência do equipamento e a vazão de água. A obra também é realizada por Parceria Público Privada (PPP).
Já no bairro Belmonte, na Avenida Pernambuco, também está em andamento a construção de 1km de rede de água potável que vai atender 120 famílias. O bairro Açude já recebeu R$ 1,2 milhão em investimentos para melhorar a distribuição de água para os moradores nesta gestão e segundo o governo municipal, ganhará outra obra importante, realizada por convênio com o Governo Federal, através da Caixa Econômica Federal. A construção de um reservatório com capacidade para 1,5 mil litros de água. Hoje, o local conta com reservatório com um terço desta capacidade.