Volta Redonda sobe 58 posições em ranking sobre controle interno do MPRJ

Índice avalia evolução do controle interno das prefeituras

Por O Dia

Volta Redonda sobe 58 posições em ranking sobre controle interno do MPRJ
Volta Redonda sobe 58 posições em ranking sobre controle interno do MPRJ -
Volta Redonda - O município de Volta Redonda subiu 58 posições no ranking de controle interno divulgado pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) neste ano. O índice avalia a evolução institucional dos órgãos de controle interno das prefeituras e autarquias municipais.
Segundo o diretor de Transparência Pública da secretaria de Planejamento, Transparência e Modernização da Gestão (Seplag), Marcos Vinícius Delgado, a pesquisa é a segunda divulgada com o ranking pelo MPRJ.
“O ranking é gerado através do Projeto Edificando o Controle Interno, do MP. Na primeira pesquisa publicada em 2017, e que se referia ao ano anterior, a nota de Volta Redonda era 2,79. Neste ano, a segunda pesquisa, que trata do período entre 2017 e 2019, apontou nota 6,04, fazendo Volta Redonda subir da 78ª posição para 20ª”, explicou.
A evolução ao longo dos três últimos anos no ranking teve como base, três ações da administração municipal. Uma delas foi a criação da Controladoria Geral do Município (CGM), que instituiu um sistema de controle interno no Poder Executivo.
De acordo com as informações da Seplag, também contribuíram para essa evolução, as medidas de reestruturação e de modernização da transparência e do controle social, como a implantação do FiscalizaVR, por exemplo, e a reestruturação do Serviço de Informação ao Cidadão (SIC).
“Volta Redonda pode crescer mais, porque os elementos avaliados foram inseridos durante a gestão e precisam de tratamento e de aperfeiçoamento contínuo”, concluiu Marcos Vinícius.

Comentários