Por O Dia
Volta Redonda - No último final de semana, a força-tarefa formada pela Secretaria de Fazenda, Vigilância Sanitária e Guarda Municipal de Volta Redonda, notificou oito estabelecimentos e interditou dois bares noturnos na cidade.
Os locais não cumpriam as regras estabelecidas através de decreto municipal para prevenção ao novo coronavírus. A diretora do Departamento de Fiscalização de Atividades Econômicas da secretaria de Fazenda (SMF), Elisângela Almeida, comentou o fato dos comerciantes estarem colaborando com o trabalho da força-tarefa.
Publicidade
“Os empresários estão bem mais conscientes de que precisamos trabalhar juntos. Os feirantes estão cumprindo a legislação durante a feira livre, não comercializando bebidas alcoólicas e fazendo a desmontagem e desocupação da via no horário previsto. Apesar da queda de denúncias espontâneas, seguimos com o mesmo trabalho de fiscalização e conscientização da população”, disse Elisangêla.
Durante a ação, os agentes também fizeram um trabalho de orientação sobre o cumprimento do decreto municipal em igrejas, sendo que duas delas foram notificadas.
Publicidade
“A notificação é o trabalho de orientação, no qual explicamos sobre as medidas preventivas. Esses dois bares noturnos, um no Retiro e outro no Santo Agostinho, já haviam sido notificados e advertidos pela fiscalização municipal, mas foram interditados pelo descumprimento ao decreto 16.526”, esclareceu a diretora do Departamento de Fiscalização de Atividades Econômicas.
O número para denúncias de irregularidades é o 156. Em caso de dúvidas, os responsáveis pelos estabelecimentos podem procurar o setor de fiscalização, que funciona no térreo da prefeitura (guichês 05 e 06) ou pelo telefone: (24)3345-4444.