Lei obriga escolas do Rio a dar Orientação Profissional

Texto tem que ser sancionado pelo governador Pezão

Por FRANCISCO ALVES FILHO

Para preparar os alunos, muitos colégios realizam simulados nos fins de semana
Para preparar os alunos, muitos colégios realizam simulados nos fins de semana -

A falta de informação sobre as profissões, sobre os cursos universitários e técnicos e sobre o mercado de trabalho são grandes obstáculos para uma escolha segura da carreira por parte dos estudantes. Esse tipo de orientação deveria ser dado em todas as escolas. Para tentar resolver o problema, a Assembleia Legislativa aprovou há dias um projeto de lei do deputado Benedito Alves (PRB) que torna obrigatória a realização de atividades de orientação profissional aos alunos do ensino médio, nos colégios públicos e particulares do Estado do Rio. (Leia "Psicóloga dá dicas sobre escolha da carreira: 'Conheça a você mesmo'")

A proposta seguirá para sanção ou veto do governador Luiz Fernando Pezão, que terá até 15 dias úteis para decidir. Segundo o texto, as atividades deverão ser realizadas de acordo com o calendário escolar e o projeto pedagógico de cada instituição. As escolas poderão oferecer palestras, discussões em grupo ou exposições durante as aulas.

As unidades também poderão realizar parcerias com a Secretaria de Estado de Educação com o objetivo de convidar profissionais de diversas áreas para debater com os alunos as suas experiências no mercado de trabalho.

A coluna torce para que o texto seja sancionado, já que a falta de informação sobre as profissões é a causa de muitas escolhas que acabam se revelando erradas anos depois.

ORIENTAÇÃO NAS ESCOLAS DO RIO (2)

Dirigentes do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) apontam a falta de informação sobre as carreiras como um dos motivos para os estudantes abandonarem a faculdade: o índice de evasão chega a 50%. Técnicos pedem um processo formativo que dê ao jovem mais segurança na escolha. "Para alguns, a escolha da profissão é algo muito natural. Mas esta não é a realidade da maioria das pessoas. É comum encontrar angústia e incerteza, seja no momento de escolher qual curso fazer na faculdade ou durante a vida profissional", diz Benedito Alves.

INSCRIÇÕES PARA O BOLSÃO

As inscrições gratuitas para o Bolsão 2019, do Elite Rede de Ensino, estão abertas e podem ser feitas pelo seguinte endereço: https://ensinoelite.com.br/. As provas de todas as unidades (exceto São Gonçalo - RJ) acontecerão no dia 22 de setembro (sábado), os horários dos exames serão informados no ato da inscrição. Em São Gonçalo, por conta do feriado municipal, será no sábado (29/09). O Bolsão contempla descontos de 10% a 90% nas mensalidades de 2019.

SEM DINHEIRO PARA O ENEM 2019?

Comenta-se a possibilidade de o governo não ter dinheiro para fazer o Enem do ano que vem, já que o orçamento previsto é abaixo do necessário. Para 2019, apenas R$ 158 milhões seriam destinados à edição do Enem. Uma solução para evitar o vexame de o Brasil não ter o Enem em 2019 seria o remanejamento de outras verbas da área de educação. Talvez até mesmo cancelar outro exame, como o Sistema de Avaliação da Educação Básica.

BENEFÍCIOS DO TRABALHO.

"O trabalho poupa-nos de três grandes males: tédio, vício e necessidade", Voltaire, escritor, ensaísta e filósofo iluminista francês.

Comentários