Esporte

Luxemburgo critica ex-presidente do Fluminense: 'me tratou como torcedor do Fla'

Técnico do Sport disse que Peter Siemsen não o viu como um profissional

Recife - Vanderlei Luxemburgo nunca escondeu que seu time de coração é o Flamengo. E isso o prejudicou durante sua passagem pelo Fluminense, quando, de acordo com o treinador, o ex-presidente Peter Siemsen o tratou com um rubro-negro e não como um profissional. Luxa treinou o clube das Laranjeiras em 2013.

Luxemburgo fica no clube pernambucano até o fim do próximo ano Williams Aguiar / Sport Club do Recife

Em entrevista ao jornal 'Extra', o treinador afirmou que é muito difícil apagar o passado e que profissão e gosto podem ser separados. "Não muda nada. Sou flamenguista, mas sou profissional. Você é jornalista e tem um clube. O jogador também tem. A questão é que somos profissionais isentos. Uma pena que no Fluminense me trataram como um rubro-negro", disse Vanderlei. 

Luxa ainda comentou que não podia falar a palavra 'Flamengo' quando era treinador do clube das Laranjeiras: "Ele (Peter Siemsen) não queria que eu falasse o nome Flamengo! Em uma preleção, antes de um jogo contra o Flamengo, eu disse aos jogadores: 'Sou flamenguista, mas quero ganhar deles'. Isso incomodou. Fui tratado pelo presidente como um torcedor e, não, um profissional", reclamou Luxemburgo. 

Depois de disparar críticas ao ex-presidente do Tricolor, Luxa elogiou a postura do presidente do Vasco, Eurico Miranda, na contratação de Zé Ricardo. 

"Ele disse que eu não deveria mais falar que era flamenguista. Faço o quê? Quando moleque, ia aos jogos com a camisa do Flamengo. Como faço para rasgar o passado? Por isso, gostei da declaração do Eurico Miranda. Disse que estava contratando o Zé Ricardo, baseando-se na competência", finalizou o treinador do Sport.

Relacionadas

    Comentários

    Mais lidas

      Escolha do Editor

        Newsletter

        Receba gratuitamente o melhor conteúdo de O DIA no seu e-mail e mantenha-se muito bem informado

        • Anuncie também pelo DIAFONE(21) 2532-5000
        Anuncie