Vasco

Vasco cai em Chapecó e conhece sua terceira derrota fora de casa no Brasileirão

Cruzmaltino estacionou nos nove pontos e perdeu mais uma posição no Brasileirão: caiu do 11º para o 12º lugar

Chapecó - A Chapecoense voltou a vencer após duas rodadas e chegou à quarta colocação no Campeonato Brasileiro. O time de Chapecó (SC) recebeu o Vasco na Arena Condá, pela sétima rodada, e venceu por 2 a 1, com gols de Andrei Girotto e Arthur - Jean marcou para os visitantes.

Vasco perdeu para a Chape por 2 a 1 Carlos Gregório Jr/ Vasco.com.br

Com a vitória, a Chapecoense chega aos 13 pontos, mesma pontuação do terceiro colocado Coritiba, que tem três gols a mais no saldo (5 a 2). E deixa para trás os tropeços diante do Grêmio, por 6 a 3, e contra a Ponte Preta, por 3 a 2. O Vasco vinha de vitória sobre o Sport por 2 a 1, em casa, e continua com nove pontos, agora como 12.º colocado.

O JOGO

A Chapecoense dominou a partida até os 28 minutos, quando conseguiu chegar ao gol em cobrança de escanteio do venezuelano Seijas, que Andrei Girotto completou para o fundo das redes. Só depois que ficou em desvantagem o Vasco entrou no jogo e começou a chegar com perigo ao gol de Jandrei.

Sem um atacante de referência, já que Luis Fabiano foi poupado, o experiente Nenê era o jogador mais ofensivo, com a missão de aproveitar as jogadas criadas pelos meias Mateus Vital e Andrezinho, que entrou no lugar de Alan Cardoso ainda no início da partida.

Crescendo no jogo, o time visitante foi recompensado aos 40 minutos. Nenê cobrou escanteio e Jean subiu na primeira trave e cabeceou para marcar o seu primeiro gol com a camisa cruzmaltina e empatar a partida.

No início da segunda etapa, no entanto, foi a Chapecoense que voltou mais ligada e Arthur, aos 16 minutos, voltou a deixar o time da casa em vantagem. Na intermediária, o atacante passou por Gilberto e bateu no ângulo. A bola ainda bateu na trave antes de entrar. Um belo gol e muito comemorado.

O gol foi um balde de água fria para o Vasco, que não conseguiu mais se impor. Enquanto os visitantes tentavam buscar o ataque de forma desordenada e sem forças, a Chapecoense, quando tinha a bola, administrava a vantagem aguardando o apito final.

O Vasco volta a campo neste sábado, às 19 horas, quando recebe o Avaí no estádio de São Januário, no Rio, pela oitava rodada. A Chapecoense joga no domingo, às 16 horas, contra o Botafogo, novamente na Arena Condá.

FICHA TÉCNICA

CHAPECOENSE 2 x 1 VASCO

CHAPECOENSE - Jandrei; Apodi, Luiz Otávio, Victor Ramos e Reinaldo (Diego Renan); Andrei Girotto, Luiz Antonio e Seijas (Neném); Rossi (Osman), Wellington Paulista e Arthur. Técnico: Vagner Mancini.

VASCO - Martín Silva; Gilberto, Breno, Paulão e Henrique; Jean, Wellington (Manga Escobar), Douglas, Mateus Vital (Caio Monteiro) e Alan Cardoso (Andrezinho); Nenê. Técnico: Milton Mendes.

GOLS - Andrei Girotto, aos 28, e Jean, aos 40 minutos do primeiro tempo; Arthur, aos 16 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Luiz Otávio, Luiz Antonio e Rossi (Chapecoense); Henrique e Alan Cardoso (Vasco).

ÁRBITRO - Jailson Macedo Freitas (BA).

RENDA - R$ 221.610,00.

PÚBLICO - 10.003 pagantes.

LOCAL - Arena Condá, em Chapecó (SC).

Com informações do Estadão Conteúdo

Relacionadas

    Comentários

    Mais lidas

      Escolha do Editor

        Newsletter

        Receba gratuitamente o melhor conteúdo de O DIA no seu e-mail e mantenha-se muito bem informado

        • Anuncie também pelo DIAFONE(21) 2532-5000
        Anuncie