Rio

Professores e alunos da Uerj fazem aula pública em frente ao Palácio Guanabara

Em assembleia, docentes decidiram fazer paralisação de 24h nesta quinta por causa do evento

Rio - Pela terceira vez neste ano, alunos e professores da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) se reuniram em frente ao Palácio Guanabara, em Laranjeiras, para fazer uma aula pública, na manhã desta quinta-feira. De acordo com a Associação dos Docentes da Uerj (Asduerj), na assembleia realizada nesta terça, os profissionais votaram a favor de uma paralisação de 24 horas para que os estudantes também participassem do evento.

Alunos e professores da Uerj se reuniram em frente ao Palácio Guanabara Divulgação / Asduerj

"A intenção é transferir estas aulas (retomadas na última semana na Uerj) para a porta do governador Pezão, exigindo uma resposta definitiva sobre a universidade", explicaram os organizadores do ato.

Segundo o Centro de Operações, os manifestantes ocupavam uma faixa da Rua Pinheiro Machado, no sentido Botafogo, por volta das 11h. Os motoristas enfrentaram reflexos no Túnel Santa Bárbara e no Viaduto 31 de Março.

Na mesma assembleia, os professores rejeitaram a proposta de entrarem imediatamente em greve, que será avaliada dentro de uma semana. Sem receber o décimo terceiro salário e com os pagamentos atrasados, os docentes relataram a situação dramática da Uerj, que ficou paralisada desde o ano passado, com a falta de pagamento dos trabalhadores terceirizados de limpeza e segurança.

A universidade voltou às aulas recentemente, com o retorno dos serviços básicos, mas ainda está em condições precárias de conservação. Uma nova assembleia foi marcada para o dia 26, quando novamente será colocada em votação a possibilidade de greve.

Relacionadas

    Comentários

    Mais lidas

      Escolha do Editor

        Newsletter

        Receba gratuitamente o melhor conteúdo de O DIA no seu e-mail e mantenha-se muito bem informado

        • Anuncie também pelo DIAFONE(21) 2532-5000
        Anuncie