Mais Lidas

'Sinto raiva e decepção', diz segurança agredida ao tentar defender delegada

Vigilante agredida por empresário em Minas, no final de semana, pretende processar casal. Agressor foi preso em flagrante pela Polícia Militar

Por rafael.nascimento

Edvania pretende processar o casal Reprodução Internet

Rio - "Não estou acostumada a apanhar. Se ela, como uma delegada da mulher, gosta de ser espancada por homem,  isso é um problema dela", afirmou a vigilante Edvania Nayara Ferreira Rezende, de 23 anos, agredida com tapas e chutes por Luiz Felipe Neder Silva, de 34 anos, no final da tarde de sábado em Três Corações, no sul de Minas, após a vítima tentar apartar uma briga entre o agressor e a sua mulher, a delegada Ana Paula Gontijo.

O vídeo com o flagrante da covardia viralizou na manhã deste domingo na internet e repercutiu em todo o país. As imagens mostram o momento em que Luiz dá um tapa e um chute no rosto de Edvania que trabalha como segurança de um clube na cidade mineira. Ele está preso, e a vítima passa bem.

Em conversa com o DIA por telefone, Edvania Nayara contou o que aconteceu na noite de sábado. Segundo ela, homem estava discutindo com a esposa e à ocasião chegou a agredi-la. “Eu fui para tentar saber o que estava acontecendo, porque percebi que a mulher estava fazendo força para entrar no carro. Quando cheguei, a mulher dele jogou a chave do carro na minha mão e saiu correndo. Neste momento, ele ficou exaltado, pedindo a chave e me agrediu. É um covarde”, desabafou a vítima.

Momento em que vítima toma um chute no rosto Reprodução Internet

“Quero justiça. Vou seguir com o caso e quero processar os dois, ele e a esposa, que, como delegada, não fez nada, não se comportou como delegada mesmo me vendo apanhar”.

Edvania trabalha como segurança no clube apenas nos fins de semana. De segunda a sexta-feira, ela cuida da lanchonete que tem em sociedade com uma amiga. Ela própria publicou em seu Facebook o vídeo da agressão, que já teve mais de dez mil compartilhamentos. “Peço que as pessoas continuem compartilhando para que outras mulheres não passem por isso e as que passem tenham coragem de denunciar os agressores”, afirmou a vítima.

Após agredir a segurança, Luiz também espancou dois funcionários com socos e pontapés e ameaçou outro morador de Três Corações. O homem foi detido em flagrante pela PM.

A Polícia Civil de Minas Gerais informou que Luiz Felipe foi preso em flagrante por lesão corporal grave e encaminhado ao sistema carcerário da região. Em até 10 dias o delegado Fausto Manzieri concluirá o inquérito.

Reportagem do estagiário Rafael Nascimento

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia