Bolsonaro e a família passam a primeira noite no Palácio da Alvorada

Desde a eleição, eles estavam hospedados na Granja do Torto, residência oficial da Presidência da República

Por Agência Brasil

Bolsonaro e a primeira-dama Michelle Bolsonaro na cerimônia de outorga da comenda da ordem do mérito aeronáutico
Bolsonaro e a primeira-dama Michelle Bolsonaro na cerimônia de outorga da comenda da ordem do mérito aeronáutico -

Brasília - O presidente Jair Bolsonaro (PSL) e a família passaram, nesta quinta-feira, a primeira noite no Palácio da Alvorada. Desde a eleição, eles estavam hospedados na Granja do Torto, residência oficial da Presidência da República. O Alvorada será ocupado depois de dois anos e meio vazio, pois o ex-presidente Michel Temer (MDB) preferiu permanecer no Palácio do Jaburu, residência oficial dos vice-presidentes da República.

Bolsonaro reconheceu que prefere a Granja do Torto, porque lembra o clima de fazenda em que foi criado no interior de São Paulo. O presidente também disse que ali ele pode ir até o quintal, pegar frutas e fazer churrasco. Segundo Bolsonaro, agora no Alvorada, quando tiver tempo livre, tentará ir ao local.

O presidente afirmou que a mudança foi um pedido da primeira-dama, Michelle Bolsonaro, por praticidade. O palácio fica em uma região mais próxima à área central de Brasília, facilitando a ida da filha Laura e a enteada Isabela à escola.

Tradicionalmente, os presidentes da República utilizam o Alvorada como residência, mas também como ambiente para despachos específicos, como reuniões com ministros, assessores e até convidados estrangeiros. A distância entre o Alvorada e o Palácio do Planalto é de 8 quilômetros em uma região de pouco trânsito.

Últimas de Brasil