Tragédia: Irritado com fim de namoro a três, jovem mata companheiro a facadas

Crime aconteceu após mulher decidir que queria ficar apenas com um

Por iG

Homem não se conformou com a escolha da namorada de viver um romance monogâmico e matou o companheiro
Homem não se conformou com a escolha da namorada de viver um romance monogâmico e matou o companheiro -
São Paulo - Dois homens e uma mulher viviam um relacionamento a três na cidade de Santos, no litoral de São Paulo, até que o trisal terminou em tragédia, na madrugada da última quarta-feira. Em um só crime, um dos homens envolvidos no namoro acabou preso e o outro morto.

Os comprometidos no triângulo amoroso viviam juntos em um mesmo apartamento, no bairro Castelo. Foi lá que aconteceu o crime, depois que a mulher envolvida no trisal decidiu que não iria mais viver em um relacionamento a três, mas que daria sequência ao namoro com apenas um dos seus namorados.

De acordo com o jornal local A Tribuna, revoltado com o fim e descartado pela namorada, o operador de telemarketing Luiz Felipe de Oliveira Galdino, de 25 anos, deu três facadas no abdômen do auxiliar administrativo Bruno Botelho Vieira, de 23. Os golpes, inclusive, foram admitidos à polícia mais tarde.

O crime aconteceu à 1h de ontem. Quando a Polícia Militar chegou ao local, Bruno já estava esfaqueado e era socorrido. A jovem de 20 anos envolvida com Bruno e Luiz Felipe estava na Santa Casa de Santos , quando foi levada por policiais à Central de Polícia Judiciária (CPJ).

De acordo com a Tribuna, a jovem prestou depoimento como testemunha do crime e, à delegada, confirmou que teria terminado com Luiz Felipe na terça-feira. Ela tem uma filha de 2 anos, cujo pai é Luiz Felipe, o autor das facadas.

Bruno morreu no morreu no Plantão de Pronto Atendimento (PPA) da Santa Casa de Santos. Por sua vez, o operador de telemarketing que cometeu o crime após o fim do trisal foi preso por homicídio.

Comentários