Liberdade provisória

Por

A Justiça concedeu liberdade provisória ao policial militar Robson Fabiano Gabriel, de 47 anos, acusado de dirigir bêbado e causar o acidente que matou uma bebê recém-nascida, na madrugada do Réveillon, em Itatiba, São Paulo. O policial foi solto após audiência de custódia e pagamento de fiança no valor de R$ 4 mil.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários