Mais de 20 milhões de testes

Por

Na coletiva de imprensa na tarde de ontem, em Brasília, o Ministério da Saúde voltou a confirmar a ampliação da testagem, que deve passar de 20 milhões.

Sobre os leitos de UTI e internação, foi anunciado que mais 50% dos leitos previstos já foram instalados e que nas próximas duas semanas serão entregues 17 mil respiradores, produzidos no Brasil. A distribuição será feita conforme a demanda dos estados.

Foi anunciado também que, durante a semana, 290 mil testes serão distribuídos. O secretário João Gabbardo reforçou ainda "que, apesar de alguns medicamentos serem promissores, como o uso da cloroquina associada à azitromicina, não há evidência robusta de que essa metodologia possa ser ampliada para a população em geral".

Ele avaliou como positivo o pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro em suas redes sociais sobre a hipótese de reduzir os impostos sobre esses medicamentos e disse que "todos sairão ganhando".

Comentários