Investir em capacitação pode auxiliar no retorno ao meio profissional, segundo especialistas em RH
Investir em capacitação pode auxiliar no retorno ao meio profissional, segundo especialistas em RHIMAGEM ARQUIVO
Por Letícia Moura
Rio - A busca por recolocação no mercado de trabalho ficou mais acirrada com o cenário imposto pela pandemia de covid-19. Diante da procura incessante por emprego, investir em capacitação pode auxiliar no retorno ao meio profissional, de acordo com especialistas em RH (Recursos Humanos). Sendo assim, vale aproveitar o tempo para se atualizar no ramo que pretende emplacar. Confira cursos disponibilizados na internet e saiba como melhorar o currículo.
Cláudio Riccioppo, especialista em RH e CEO da Employability, avalia que o isolamento social, em razão do coronavírus, pode ser uma oportunidade para atualização profissional. "Existem vários cursos on-line e em grande parte, gratuitos, cursos estes que podem contribuir com a atualização técnica do profissional e também com a construção de sua empregabilidade. O profissional também consegue na internet um material muito rico sobre dicas de como construir um LinkedIn e manter-se ativo na rede social", pontua. 
Publicidade
Na hora de montar o currículo, cabe reforçar que as informações devem ser verdadeiras. Não adianta querer melhorar a sua reputação, incluindo cursos ou habilidades falsas. Especialistas são enfáticos sobre o peso negativo que as mentiras podem trazer à imagem do candidato. "Por exemplo, quando o candidato informa que possui algum idioma fluente e, no momento da entrevista, o recrutador percebe que não é verdade. Isso não só te exclui para aquela vaga, mas deixa uma má impressão para quaisquer outros processos que possam acontecer naquela empresa", analisa Bianca Glaciano, CEO da Glaciano Resultados Humanos. 
Ela também pondera que o postulante à vaga não deve nunca esquecer as informações sobre seu contato. "Muito além de telefone, não esquecer do seu e-mail e do seu LinkedIn atualizado, já que é a mídia social que nós mais procuramos informação sobre o candidato. Parece que não é importante, mas, como uma empresa de Recrutamento e Seleção, 20% dos currículos que recebemos não são encontradas essas informações". 
Publicidade
Na avaliação de Riccioppo, não existe o modelo de currículo ideal, o que existe são informações certas para cada anúncio de vaga. Segundo ele, o candidato deve ler os pré-requisitos da oportunidade e montar um currículo customizado às necessidades do contratante. "Ou seja, tentar entender o que a empresa pretende com aquela contratação, que tipo de profissional ela quer para resolver seus problemas e escolher as informações de suas experiências profissionais que mais estejam alinhadas a essa expectativa na seleção". 
Entrevistas virtuais
Publicidade
Em tempos de pandemia, as entrevistas virtuais se tornaram comuns por conta das restrições de circulação. No entanto, os candidatos precisam ficar atentos aos cuidados com a postura e a organização do espaço, por exemplo. "Procure sempre um lugar claro, fique parado - evite andar com o celular na mão, por exemplo - tenha seu currículo em mãos, caso o recrutador faça alguma pergunta ou questionamento específico sobre ele", indica Glaciano. 
Consultora de RH e especialista em Liderança, Dilza Taranto orienta que o candidato deve se comportar como se estivesse indo para uma entrevista presencial: "Arrume-se como se fosse sair para trabalhar, seja pontual, teste os equipamentos antes. Evite fazer muitos movimentos com as mãos, repouse-as sobre a mesa. Olhe nos olhos do entrevistador, pois isso vai passar segurança. Espere o entrevistador terminar de falar para responder", sugere.
Publicidade
Na conversa com o recrutador, a especialista afirma que as respostas devem ser sucintas, claras, objetivas e sem "encher linguiça". "Coloque-se à disposição da empresa para o alcance de melhores resultados. Não se esqueça de buscar informações sobre a empresa antes de se candidatar a qualquer vaga". Ela lembra ainda sobre a importância de respirar fundo, "prestando atenção na respiração, caso sinta que o nervosismo pode afetar seu desempenho. Relaxe, mas não seja descontraído, seja profissional", finaliza Taranto. 
Cursos
Publicidade
Na Firjan SENAI, matrículas estão abertas para mais de 30 cursos on-line para o púbico se capacitar sem sair de casa, com preços especiais. Há turmas para várias áreas de conhecimento como BIM - Digitalização da Construção Civil, Food Design, Tecnologias de Energias Renováveis, Tecnologia de Congelamento de Produtos de Panificação e Confeitaria, Lógica de Programação, entre outros.
A instituição oferta quatro tipos de funcionamento dos cursos:
Publicidade
- Com carga horária dividida em duas partes: 50% de aulas on-line com instrutores no horário da turma e 50% de atividades individuais de responsabilidade dos alunos indicadas pelo instrutor, ou seja, os alunos terão 2 horas diárias de aula e deverão dispor de mais 2 horas diárias para estudo individual. Não haverá atividades presenciais.
- Com a carga horária realizada 100% em aulas e atividades on-line com instrutores no horário da turma. Não há atividades presenciais.

- Curso realizado em Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), onde o aluno acessa os materiais e conteúdos disponíveis e estuda de acordo com seu ritmo de aprendizagem e disponibilidade de tempo, realizando ao final de cada unidade uma avaliação. Não há aulas on-line ao vivo com instrutores, nem atividades presenciais.

- Curso feito em Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), com aulas on-line com instrutores no horário da turma e realização de fóruns e chats. Não há atividades presenciais.

Pessoas de qualquer cidade ou estado podem participar dos cursos, desde que possuam computador, internet, e outros requisitos constantes do site, conforme o curso. Todos os cursos garantem certificado ao final. Para a relação de cursos e realizar as inscrições, acesse: www.firjansenai.com.br/cursosonline. Mais informações: 0800 0231 231.