MasterChef é sucesso no Twitter e vira referência na relação TV e redes sociais

'Quando falávamos da convergência de plataformas, era isso que esperava. Colaboração e não competição entre elas', aponta Ana Paula Padrão, apresentadora do programa

Por O Dia

Ana Paula Padrão%2C conhecida pelo jornalismo%2C encantou o público fazendo entretenimentoDivulgação / Band

Rio - Grandes porções de gastronomia, algumas colheres de desafios, mais quilos de surpresas, umas xícaras de risadas, algumas doses de lágrimas e uma pitada de interação com o público. É a receita para o grande sucesso da segunda temporada do "MasterChef". O reality culinário, que vai ao ar todas as terças, às 22h30, na tela da Band, têm mobilizado fãs nas redes sociais, principalmente, no Twitter.

O programa lidera o "IBOPE Twitter TV Ratings" (ferramenta que mensura a repercussão do conteúdo televisivo no ambiente digital) há seis semanas consecutivas com até três vezes mais impressões (quantidade de vezes em que os tweets relacionados ao programa foram visualizados durante sua exibição) do que os segundos colocados.

Já na estreia, que aconteceu no dia 19 de maio, a atração alcançou boa audiência: 11 milhões de impressões das 22h05 da terça-feira até às 0h20 da madrugada de quarta-feira. No mesmo dia, o maior pico de Tweets por Minuto (TPM) aconteceu às 23h19, quando a candidata Maria Clara preparou um hambúrguer para os jurados. O segundo maior pico foi às 23h26, quando Mima disse que iria temperar o ceviche que estava preparando com suas lágrimas. O terceiro maior TPM foi às 23h34, quando o baiano Cristiano ganhou um avental após jogar capoeira.

Responsável pelo comando do "MasterChef", a apresentadora Ana Paula Padrão credita o sucesso da segunda temporada à união da TV com a internet. Ela pontua que a participação do público é algo imprescindível.

"Redes sociais são muito importantes para a consolidação da audiência de qualquer programa de TV, principalmente na TV aberta. Quando falávamos, no passado, da convergência de plataformas, era isso que eu esperava. Colaboração e não competição entre elas. Usando o Twitter enquanto assistem ao 'MasterChef', os telespectadores podem participar mais, interagir, comentar e sentir-se parte do produto", aponta a apresentadora, que após anos dedicados ao jornalismo se entregou ao entretenimento. Nas ruas, ela tem ouvido muitos elogios sobre o programa.

"Sou conhecida do público há bastante tempo mas esse lado meu na área do entretenimento abriu contato com uma nova audiência para mim. Tem sido muito interessante ver como as pessoas em geral adoram o formato do 'MasterChef'. Torcem, palpitam, se entusiasmam e querem saber o que vai acontecer em seguida - coisa que não posso dizer, é claro", brinca Ana Paula. 

Sergio Floris é diretor de TV do Twitter BrasilDivulgação


O diretor de TV do Twitter Brasil, Sergio Floris, fala sobre a fórmula de sucesso que faz o "MasterChef" bombar na rede social. "É o fato de trazer o telespectador para dentro do programa. É promover interação em tempo real. A plataforma Twitter possibilita o telespectador dar opiniões e se tornar protagonista do programa. Esse é o grande barato do empo real. A Band soube aproveitar muito bem a interatividade que uma plataforma pública e sem filtro como o Twitter oferece. Dessa forma, ela fideliza a audiência porque abre um diálogo maior sobre o programa", explica Floris, que pontua ainda ser preferível que o telespectador assista TV com o celular na mão, ao invés do controle.

"A TV social é um caminho sem volta. Quando você abre para a audiência participar não tem volta. O povo brasileiro é muito comunicativo. Os brasileiros gostam de comunicar sobre o que assistem com amigos, parentes, e isso não é diferente nas redes sociais. Este hábito de assistir TV com o celular na mão. É melhor assistir TV com o celular nas mãos do que com o controle. Com o celular ele está o tempo todo comentando e postando coisas sobre o programa, ou seja, está interessado. Unir o Twitter com a TV é uma forma poderosa de fidelizar a audiência", conclui. 

Ana Paula Padrão posa com os jurados do reality%3A o brasileiro Henrique Fogaça%2C a argentina Paola Carosella e o francês Erick JacquinDivulgação / Band


Vídeo exclusivo na Internet

O sucesso no Twitter é tanto que a emissora tem feito ações para presentear o público e agradecê-lo pela audiência. Nesta terça-feira haverá mais uma. O "MasterChef" vai mobilizar os fãs do reality para liberar um vídeo exclusivo na web. Durante o episódio que vai ao ar a partir das 22h30, o perfil oficial do programa na rede social (@MasterChefBR) vai convidar os telespectadores a tuitarem sobre a atração usando a hashtag #MasterChefBR. Assim que forem contabilizadas 200 mil publicações sobre o programa, um vídeo exclusivo será publicado no site www.band.com.br/MasterChef. A emissora faz mistério e não revela o conteúdo, mas diz que é uma forma de recompensar a audiência pela enorme repercussão também na rede social.

Nomes dos finalistas desta edição vazam na web

Se a internet por um lado é a grande aliada do "MasterChef", por outro é também uma vilã. No mês passado vazaram na web os nomes dos finalistas desta edição. O que, na opinião de Ana Paula Padrão, não atrapalhou em nada o sucesso do programa.

"Em qualquer temporada há boatos, indícios, suspeitas e muitos comentários sobre o que vai acontecer em seguida. Énormal que o público, que sempre torce por este ou aquele candidato, deseje saber o que vai ser do seu favorito. Acho que isso só demonstra o imenso interesse que o 'MasterChef' desperta entre os fãs", pondera a jornalista que está vivendo um caso de amor com a TV Bandeirantes. 

"Minha renovação com a Band, por mais um ano, se deu no começo de 2015, quando acertamos que eu faria a segunda temporada do 'MasterChef' e que ficaria na emissora pelo menos até meados de 2016. Não é novidade mas devo dizer que me sinto muito feliz, altamente bem tratada e que desenvolvi um carinho imenso pela emissora. Não é difícil dizer sim para a Band", derrete-se.

Últimas de Televisão