Réveillon da Paulista mantém queima de fogos, mas reduz barulho

As apresentações musicais serão intercaladas com performances do grupo de comédia Risadaria

Por EBC

Brasília - A festa de réveillon da Avenida Paulista, tradicional na cidade de São Paulo, oferecerá ao público shows de artistas como Jorge Ben Jor, Gal Costa, Péricles e Diogo Nogueira e dos grupos de forró Rastapé e Trio Virgulino. A novidade da festa da virada deste ano é que os fogos de artifício terão menos barulho, com foco na diminuição da poluição sonora. A queima de fogos deve durar de 10 a 15 minutos.

As apresentações musicais serão intercaladas com performances do grupo de comédia Risadaria. O humorista Paulo Bonfá será o mestre de cerimônia da festa, que começa dentro de instantes e termina às 3h de na terça-feira (1º).

O palco foi montado no mesmo local do ano passado, no final da Avenida Paulista, na entrada do túnel de acesso à Avenida Rebouças, perto da Rua da Consolação. Para o público acompanhar todos os detalhes da festa, telões de LED foram instalados na avenida. O evento terá um espaço especial para pessoas com deficiência, em frente ao palco, para facilitar a visão dos shows.

Transporte

Para realização da festa, por volta das 18h, a Avenida Paulista é totalmente interditada para veículos, no sentido Consolação, entre as ruas Teixeira da Silva e da Consolação, e no sentido Paraíso, entre as ruas da Consolação e Maria Figueiredo.

Uma alternativa para chegar e deixar a região é o metrô, que trabalha nesta segunda-feira em esquema de operação especial. Nas linhas 1-Azul (Jabaquara-Tucuruvi), 2-Verde (Vila Prudente-Vila Madalena) "exceto Estação Consolação" e 3-Vermelha (Corinthians/Itaquera-Palmeiras/Barra Funda), o passageiro pode embarcar até as 2h.

Após esse horário, o público poderá embarcar nas estações Paraíso e Brigadeiro e Trianon/Masp. As demais estações continuarão em operação, mas somente para desembarque.

A Estação Consolação fechou mais cedo nesta segunda-feira. Devido à proximidade do local da festa na Paulista, todos os acessos à estação foram fechados às 16h e reabrirão só amanhã (1º), às 4h40.

Segurança

Para garantir a segurança do público, a Polícia Militar (PM) planejou uma operação especial, que conta com câmeras e um posto de monitoramento em tempo real. Além disso, a prefeitura informou que centenas de seguranças privados e bombeiros civis darão apoio ao evento. Agentes da Secretaria das Subprefeituras e da Guarda Civil Metropolitana farão a fiscalização da venda de produtos irregulares.

As pessoas que quiserem participar do evento deverão passar por uma revista preventiva. Segundo a prefeitura, não será permitida a entrada no perímetro do evento portando armas, garrafas, latas, fogos de artifício ou itens que possam apresentar risco, como objetos perfurocortantes.

Últimas de Brasil