Olavo de Carvalho se recusa a discutir com professores: 'discuto apenas com terraplanistas professos'

Em mais uma polêmica no Twitter, escritor responsável pela indicação de dois ministros do governo Bolsonaro afirmou que 'acreditar em cálculos' é algo que 'conduz necessariamente ao império da ideologia de gênero'

Por O Dia

Olavo de Carvalho já indicou membros do primeiro escalão do governo
Olavo de Carvalho já indicou membros do primeiro escalão do governo -
Rio - Desde a tarde desta quarta-feira, Olavo de Carvalho, considerado "guru" ideológico do presidente da República, Jair Bolsonaro, embarcou em mais uma polêmica sobre o "terraplanismo" – teoria da conspiração que defende que a Terra é plana – através de suas publicações no Twitter. 
Tudo começou quando ele escreveu a respeito de vídeos, segundo ele irrefutáveis, "de experimentos que mostram a planicidade das superfícies aquáticas".
No vídeo, sem qualquer fundamento científico, um homem diz que é capaz de provar que a Terra é plana usando o zoom de uma câmera para aproximar a vela de um barco que está próximo à praia.
Após Olavo de Carvalho divulgar o vídeo, diversas pessoas o refutaram, dentro da própria caixa de comentários do YouTube: "Ou seja, pela tua "teoria", se tu utilizasse uma câmera potente com zoom gigantesco, veria todas as embarcações e objetos (montanhas, cidades etc...) que estivessem na sua linha de observação... "Jênio!" (sic), escreveu um usuário. "O barco só não estava longe o bastante para sumir", escreveu outro. Ainda assim, Olavo insiste que não há nenhuma "resposta eficaz" refutando o vídeo.
Após a polêmica, o escritor, que é responsável pela indicação do atual ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, e possui diversos alunos e seguidores ocupando cargos públicos no atual governo, chegou a afirmar que "acreditar em cálculos e equações" é algo que "conduz necessariamente ao império da ideologia de gênero". 
Por fim, Olavo encerrou a discussão dizendo que se recusa a conversar com professores universitários e só conversa com "terraplanistas professos, que pelo menos entendem quais os pontos em discussão".
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários