Homem é preso por estuprar enteada de 4 anos e diz que criança forçava abusos

Suspeito de 35 anos trabalha como motorista e foi detido em flagrante pelo crime de estupro de vulnerável

Por iG

Fórum de Sinop (MT), cidade onde homem foi preso por estuprar enteada de 4 anos
Fórum de Sinop (MT), cidade onde homem foi preso por estuprar enteada de 4 anos -
São Paulo - Um homem de 35 anos foi preso pela Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DDM) acusado de estuprar a enteada de 4 anos em Sinop (MT). Ao ser detido, o padrasto da vítima alegou que ela forçava os atos sexuais.
O homem , que teve a identidade preservada, trabalha como motorista e foi preso em flagrante na última quarta-feira pelo crime de estupro de vulnerável. A mãe da vítima havia procurado a polícia em maio para relatar suas suspeitas de que o companheiro estaria molestando sua filha.

De acordo com a mãe da vítima, a criança apresentou comportamento estranho e chegou a comentar com uma vizinha que o padrasto mostrava o pênis e pedia para ela acariciar, além de tocar nas partes íntimas da menina.
Os abusos foram flagrados após a mãe da vítima instalar uma câmera na casa que ficaram comprovados os abusos cometidos pelo companheiro. A mulher está grávida de cinco meses e reside com o homem há sete. Ao assistir as imagens, a mãe procurou as autoridades e os policiais passaram a procurar o acusado.

Quando detido, o suspeito negou os fatos, mas, depois de assistir as imagens, assumiu os abusos e alegou que a vítima, uma criança de 4 anos, era quem forçava os atos sexuais .

Após ser autuado, o homem foi apresentado para audiência de custódia e o juiz decidiu pela prisão preventiva. Ele ficará preso na Cadeia Pública de Sinop e permanecerá à disposição da Justiça.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários