Carlos foi o 2º mais votado - Caio César /Câmara
Carlos foi o 2º mais votadoCaio César /Câmara
Por O Dia
Rio - Um ex-assessor parlamentar do vereador Carlos Bolsonaro foi nomeado, nesta terça-feira, para a diretoria executiva da Funarte.
Luciano da Silva Barbosa Querido foi assessor do filho do presidente entre 2002 e 2017. Segundo um currículo encontrado em suas redes sociais, ele era encarregado de “toda a parte de informática, como designer gráfico, web designer e banco de dados e mídias sociais” do gabinete do zero dois.
Publicidade
Querido já havia sido nomeado para um cargo comissionado na instituição no começo de abril, quando assumiu a diretoria do Centro de Programas Integrados (Cepin) da Funarte.
Sua nomeação foi publicada na mesma edição do Diário Oficial da União que reconduziu o maestro Dante Mantovani para a presidência da instituição
Publicidade
Mantovani havia sido exonerado quando Regina Duarte assumiu a Secretaria Especial de Cultura do Ministério do Turismo, há dois meses, e as mudanças na pasta podem indicar uma perda de força da atriz no governo.