Repórter passa 'sufoco' em cobertura de furacão em Cuba

Correspondente foi surpreendido por temporal e ventos muito fortes nesta sexta-feira

Por O Dia

Cuba - Correspondente da rede americana CNN, Patrick Oppman passou um 'sufoco' durante a transmissão da cobertura sobre o furacão Irma, em Havana, capital de Cuba, nesta sexta-feira. O repórter foi surpreendido por ventos muito fortes e um temporal enquanto passava as últimas informações sobre o fenômeno.

No Caribe, o furacão, que foi rebaixado à categoria 4, teve rajadas de ventos de até 295 km/he destruiu pequenas ilhas no local. Pelo menos 60% das casas ficaram inabitáveis na ilha São Martinho.

Últimas de Televisão