Precisamos de reflexão para nova temporada, diz Fernanda Lima sobre 'Amor e Sexo'

O programa encerrou sua 11ª temporada e não tem previsão de retorno em 2019

Por Conteúdo Estadão

Foto do Instagram pessoal da apresentadora Fernanda Lima. Ela agradeceu aos fãs e a equipe a 11ª temporada que se encerrou e fez reflexões a respeito da construção da temporada
Foto do Instagram pessoal da apresentadora Fernanda Lima. Ela agradeceu aos fãs e a equipe a 11ª temporada que se encerrou e fez reflexões a respeito da construção da temporada -

Rio - Após terminar a exibição do programa "Amor e Sexo", na TV Globo, Fernanda Lima decidiu publicar um texto agradecendo aos fãs e a equipe que a acompanhou no trabalho.

No domingo, 16, a modelo e apresentadora ressaltou que a continuidade do programa depende de reflexões e pesquisas. "A gente acredita que o amor e o sexo são manifestações políticas não apenas na cama, mas também fora dela e, por isso, o programa parte desses lugares (...) A volta do programa dependerá de uma decisão em conjunto com a emissora e nada ainda foi conversado, mas é importante lembrar que, para existir nova temporada, precisamos de um período de reflexão, estudos, pesquisas e observação profunda do mundo em que vivemos. Isso requer tempo", disse.

O último episódio da 11ª temporada da série foi ao ar na Terça-feira passada, 11. Na ocasião, Fernanda Lima recebeu homenagens dos jurados e comemorou mais um ano de exibição. "A gente parte, mas deixa um rastro de cores, formas, música, danças, debates, reflexões, poesias, risos e lágrimas. A gente leva orgulho de uma equipe que não desistiu e se reinventou", disse a apresentadora.

Para Fernanda Lima, o programa exige uma conscientização dos telespectadores. "A ideia é questionar como podemos expandir nossa consciência, conhecimentos e, quem sabe, despertar a empatia de um pelo outro para caminharmos em direção a um mundo de justiça social, liberdade e igualdade. Nesse sentido, não hesitamos em nos posicionar contra o machismo, o racismo, a lgbtfobia, o classismo e qualquer outra forma de opressão", disse

"Amor e Sexo" exibiu uma temporada recheada de polêmicas, sobretudo nas redes sociais, mas com direito a manifestação de pessoas famosas, como o sertanejo Eduardo Costa. Na ocasião, o cantor chamou Fernanda Lima de "imbecil" e afirmou que ela "só faz programa pra maconheiro, pra bandido, pra esquerdista derrotado e pra esses projetos de artista, assim como ela".

O sertanejo acabou recuando e pediu desculpas durante programa "Conversa com Bial", na própria TV Globo. "A mesma coragem que eu tenho para falar e expor as minhas opiniões em relação a qualquer tipo de assunto, eu quero ter essa coragem de vir aqui no seu programa e pedir desculpas pra Fernanda Lima, pra família da Fernanda Lima, para o marido dela, para os filhos", afirmou Costa.

Últimas de Televisão