Carlos Alberto de Nóbrega relembra briga com Silvio Santos: 'Deslumbrado'

Apresentador de 'A Praça É Nossa' e o dono do SBT ficaram 11 anos sem se falar

Por O Dia

Carlos Alberto de Nóbrega fala sobre Silvio Santos no 'Tricotando'
Carlos Alberto de Nóbrega fala sobre Silvio Santos no 'Tricotando' -

Rio - Carlos Alberto de Nóbrega relembrou em entrevista ao "Tricotando", da RedeTV, uma briga que teve com Silvio Santos. Na época, o apresentador de "A Praça É Nossa" e o dono do SBT ficaram 11 anos sem se falar. O desentendimento, no entanto, já foi resolvido e os dois são amigos novamente. 

"Nós tivemos um desentendimento. Primeiro porque ele estava deslumbrado com o sucesso extraordinário que ele estava fazendo, pelo dinheiro que estava ganhando, pelo poder, porque poder é pior do que dinheiro, certo? E eu tinha perdido meu pai e minha mãe com câncer, estava completamente desequilibrado, e eu era um cara estourado. Briguei com ele", disse Carlos Alberto, que também contou que a briga foi feia. 

"Ele me falou coisas que doeram e eu também falei coisas que doeram. Fiquei 11 anos sem falar com Silvio Santos e eu morria de saudade porque nós éramos muito amigos", garantiu. Mas a briga já é coisa do passado e o reencontro dos amigos foi emocionante. 

"Quando eu cheguei na casa dele com o Beto e o Marcelo, os meus filhos mais velhos, foi uma choradeira. Eu e o Silvio, a gente se abraçou, choramos abraçados", revelou.

Comentários

Carlos Alberto de Nóbrega relembra briga com Silvio Santos: 'Deslumbrado' O Dia - Televisão

Carlos Alberto de Nóbrega relembra briga com Silvio Santos: 'Deslumbrado'

Apresentador de 'A Praça É Nossa' e o dono do SBT ficaram 11 anos sem se falar

Por O Dia

Carlos Alberto de Nóbrega fala sobre Silvio Santos no 'Tricotando'
Carlos Alberto de Nóbrega fala sobre Silvio Santos no 'Tricotando' -

Rio - Carlos Alberto de Nóbrega relembrou em entrevista ao "Tricotando", da RedeTV, uma briga que teve com Silvio Santos. Na época, o apresentador de "A Praça É Nossa" e o dono do SBT ficaram 11 anos sem se falar. O desentendimento, no entanto, já foi resolvido e os dois são amigos novamente. 

"Nós tivemos um desentendimento. Primeiro porque ele estava deslumbrado com o sucesso extraordinário que ele estava fazendo, pelo dinheiro que estava ganhando, pelo poder, porque poder é pior do que dinheiro, certo? E eu tinha perdido meu pai e minha mãe com câncer, estava completamente desequilibrado, e eu era um cara estourado. Briguei com ele", disse Carlos Alberto, que também contou que a briga foi feia. 

"Ele me falou coisas que doeram e eu também falei coisas que doeram. Fiquei 11 anos sem falar com Silvio Santos e eu morria de saudade porque nós éramos muito amigos", garantiu. Mas a briga já é coisa do passado e o reencontro dos amigos foi emocionante. 

"Quando eu cheguei na casa dele com o Beto e o Marcelo, os meus filhos mais velhos, foi uma choradeira. Eu e o Silvio, a gente se abraçou, choramos abraçados", revelou.

Comentários