Acidente no 'Domingão do Faustão' quase matou bailarinas

Detto Costa relembrou fato ocorrido em 1993

Por O Dia

Faustão
Faustão -
Rio - Atualmente na Record, Detto Costa, primeiro diretor do "Domingão do Faustão", falou nas redes sociais sobre um acidente que aconteceu no programa em 1993 e quase virou tragédia. Segundo ele, o episódio aconteceu no Teatro Fênix, na Zona Sul do Rio, e foi escondido por mais de 27 anos.

Galeria de Fotos

Faustão cita apresentadores da Record no 'Domingão' Reprodução
Faustão Reprodução
Faustão chama atenção com tênis estiloso no 'Domingão' Reprodução
Faustão Reprodução
Fausto Silva Reprodução TV
Faustão Reprodução/TV Globo
Faustão Reprodução/TV Globo
Faustão Reprodução
Faustão Faustão/Divulgação Globoplay
Faustão Reprodução / TV
Faustão Victor Pollak / TV Globo
Fausto Silva Selmy Yassuda/TV Globo
Ele contou que o programa estava correndo normalmente quando o então assistente de palco e atual diretor artístico da atração, Jayme Praça, o avisou que faltavam 15 minutos e um comercial até o fim da atração. 
"Comercial entra e com 30 segundos, eu, pela primeira vez, olho para o relógio. Surpresa: tudo muda, ainda faltavam 35 minutos para o encerramento do programa! Aviso às bailarinas que podiam sair de cena. Todas saem. Estavam exaustas. Altero o roteiro e aviso que, depois dos comerciais, entraria o Jogo da Velha, já gravado com 20 minutos", inciou Detto Costa. 
"Susto! Com 3 minutos de comercial, um estrondo fora do comum, paralisa todo mundo. Era um barulho de explosão! O que aconteceu? Nisso a coreógrafa Sylvia Ann, pálida e trêmula me procura e diz: ‘Venha ver o que aconteceu! Venha logo!'", continuou. 
Uma barra de ferro havia caído justamente onde ficavam as bailarinas do programa. "Nos degraus do cenário onde ficava o balé, caiu do teto uma barra de ferro com refletores do comprimento do palco, pesando aproximadamente 120 quilos. A queda da enorme barra arrebentou fundo o local onde estariam as bailarinas, o que seria uma tragédia sem precedentes ao vivo!", disse. 
Segundo ele, o acidente só não resultou em tragédia pela "providência divina". "Fizemos o resto do programa, sem o balé, mas com todas vivas, graças ao comercial salvador e eu agradecendo a Deus por não ter olhado o relógio, pela primeira vez na vida, em um programa ao vivo!".
 

Comentários