Motorista paga no Rio gasolina 5% mais cara

Movimento de caminhoneiro subiu preço

Por O Dia

Ontem começou consulta sobre política de reajuste de preço -

Rio - Com o fim da paralisação dos caminhoneiros, os motoristas passaram a pagar mais caro pela gasolina no Rio. Pesquisa da Agência Nacional do Petróleo (ANP), mostra que o preço médio do combustível subiu 5,28% entre 13 de maio e 9 de junho. Em média, o valor do livro está em R$ 5,004 nos postos da cidade.

Outra constatação do levantamento é que os preços da gasolina variam 19% entre os pontos de vendas do Município do Rio. O valor mais em conta (R$ 4,699), conforme a pesquisa da ANP, foi encontrado em um posto em Parada de Lucas, na Zona Norte. Já a gasolina mais cara da cidade é vendida em um posto na Ilha do Governador, a R$ 5,599, o litro. Dos 78 postos pesquisados, em 27 deles o preço da gasolina está acima de R$ 5.

Começa consulta pública

A agência reguladora começou nesta segunda a consulta pública à sociedade sobre periodicidade do repasse dos reajustes de preços de combustíveis. Quem quiser participar deverá acessar o formulário eletrônico disponível no portal da ANP (www.anp.gov.br).

Comentários

Últimas de Economia