Matéria Salva!

Agora você pode ler esta notícia off-line

Matéria removida da seção links salvos
Publicidade

Meu time do coração

Confira as últimas notícias

Times

Pedro Valentim

[email protected]
Buscar
Assine
Cota do PIS vai ficar 10% maior em agosto
Publicidade
26,0,0,1,3.8,1.3A4.75,4.75,0,0,1,103.26,20.36Zm-2.2.05q0-3.22-2.84-3.22H97.09V23.7H98Q101.06,23.7,101.06,20.41Z"/>
FGTS - Reprodução
FGTSReprodução
Por MAX LEONE

Rio - Os cotistas do PIS/Pasep que puderem esperar até agosto para sacar os valores receberão uma boa recompensa. Com a virada do mês, segundo o ministro do Planejamento, Esteves Colnago, o saldo de beneficiários de todas as idades será reajustado em até 10%. O percentual é considerável se comparado a rendimentos de aplicações, principalmente a poupança, afirmam especialistas. No ano passado, a correção ficou em 8,9%. O saque com atualização poderá ser feito a partir de 14 de agosto.

Economista e professor de Finanças do Ibmec e da Fundação D. Cabral, Gilberto Braga ressaltou que o ideal é aguardar para ter a correção. De acordo com ele, estimativa de 10% de atualização equivale a mais do que duas vezes a correção da poupança, que rende, em média, 3,5% ao ano.

"É bom negócio para quem pode esperar. É um dinheiro que não estava previsto e tem possibilidade de aumentar o valor. Em um mês, pode ganhar mais que a poupança rende em um ano", compara.

Braga lembra que nem outras aplicações mais rentáveis, como títulos do Tesouro, pagam o que a correção do PIS/Pasep deverá remunerar. "Outras opções ficam em torno de 9%", compara.

Cota do PIS vai ficar 10% maior em agosto

Quem tiver como esperar o mês virar ganhará correção duas vezes superior ao rendimento da poupança em um ano

FGTS - Reprodução
FGTSReprodução
Por MAX LEONE

Rio - Os cotistas do PIS/Pasep que puderem esperar até agosto para sacar os valores receberão uma boa recompensa. Com a virada do mês, segundo o ministro do Planejamento, Esteves Colnago, o saldo de beneficiários de todas as idades será reajustado em até 10%. O percentual é considerável se comparado a rendimentos de aplicações, principalmente a poupança, afirmam especialistas. No ano passado, a correção ficou em 8,9%. O saque com atualização poderá ser feito a partir de 14 de agosto.

Economista e professor de Finanças do Ibmec e da Fundação D. Cabral, Gilberto Braga ressaltou que o ideal é aguardar para ter a correção. De acordo com ele, estimativa de 10% de atualização equivale a mais do que duas vezes a correção da poupança, que rende, em média, 3,5% ao ano.

"É bom negócio para quem pode esperar. É um dinheiro que não estava previsto e tem possibilidade de aumentar o valor. Em um mês, pode ganhar mais que a poupança rende em um ano", compara.

Braga lembra que nem outras aplicações mais rentáveis, como títulos do Tesouro, pagam o que a correção do PIS/Pasep deverá remunerar. "Outras opções ficam em torno de 9%", compara.

Você pode gostar
Comentários
Publicidade
mais notícias
Mais de Economia