Mais Lidas

Bancos querem propor redução dos juros

Iniciativa deve ocorrer no momento em que o Banco Central está procurando formas de reduzir as taxas de juros ao consumidor

Por O Dia

Inativos e pensionistas devem fazer o recadastramento em qualquer agência do Santander no país
Inativos e pensionistas devem fazer o recadastramento em qualquer agência do Santander no país -

Rio - Os bancos vão propor ao presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), medidas que baixem as taxas de juros dos empréstimos. O presidente-executivo da Bradesco, Octavio de Lazari, informou que a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) apresentará ao presidente, logo que ele assumir o cargo em janeiro, propostas que visam reduzir as taxas.

A iniciativa deve ocorrer no momento em que o Banco Central está procurando formas de reduzir as taxas de juros ao consumidor, que são em média de 260% ao ano para linhas de crédito rotativo, segundo o BC. A Selic está em 6,50% ao ano.

Em 31 de outubro, o Comitê de Política Monetária (Copom) manteve novamente, por unanimidade, a taxa Selic em 6,50% ao ano. Assim, permaneceu no patamar mais baixo desde março deste ano, vindo de uma taxa de 14,25% ao ano em outubro de 2016. A próxima reunião do Copom para analisar se haverá ou não alterações será dia 11 de dezembro.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários