Bradesco reduz projeção para PIB do 1º tri de alta de 0,7% para 0,3%

Banco argumenta que os indicadores coincidentes de dezembro divulgados até o momento apontam para alguma perda de tração da atividade econômica no fim do ano passado

Por ESTADÃO CONTEÚDO

Rio - O Bradesco reduziu a expectativa para o crescimento econômico do primeiro trimestre deste ano, conforme nota divulgada nesta sexta-feira, 18. A projeção para o PIB passou de expansão de 0,7% para 0,3% nos três primeiros meses de 2019 em relação ao último trimestre de 2018. Para o quarto trimestre, o banco estima leve alta de 0,10%, após 0,80% no terceiro.

O banco argumenta que os indicadores coincidentes de dezembro divulgados até o momento apontam para alguma perda de tração da atividade econômica no fim do ano passado. "Reconhecemos que essa dinâmica recente sugere que os desafios para a materialização do cenário de aceleração do ritmo de crescimento do PIB no primeiro trimestre deste ano possam ser maiores e, por isso, atualizamos nossa projeção para o período de 0,7% para 0,3%", justifica.

Por enquanto, o Bradesco estima crescimento de 1,1% para o PIB de 2018 e de 2,8% para o dado de 2019.

 

Comentários