PEC dos fundos: acordo entre deputados estaduais está mantido

Por

Nada mudou — pelo menos, até agora — sobre o acordo feito na semana passada na Alerj pela aprovação da 'PEC dos fundos'. À coluna, o líder do governo Witzel na Casa, Márcio Pacheco (PSC), disse que o encaminhamento é pela aprovação do texto da forma como combinado na primeira discussão do projeto.

A proposta de emenda constitucional garantirá a transferência do saldo existente em vários fundos estaduais para a conta do Tesouro Estadual. Segundo estimativa do próprio governo, isso vai dar um reforço de caixa de cerca de R$ 900 milhões — direcionado para pagamento de folha salarial.

Mas o texto também possibilita a desvinculação de verbas desses fundos do estado no futuro: até 2023. Se o 'combinado' de fato valer, essa previsão se manterá.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários