Neymar desmarca depoimento sobre vídeo com fotos de acusadora

Jogador irá depor nesta sexta-feira no Cidpol

Por RAFAEL NASCIMENTO

Neymar
Neymar -
Rio - O atacante Neymar não será mais ouvido nesta quinta-feira pela Delegacia de Repressão a Crimes de Informática sobre o vazamento de fotos da modelo Najila Trindade, que o acusa de estupro. O depoimento do atleta foi transferido para sexta-feira, às 11 horas, na Cidade da Polícia, no Jacarezinho.
A justificativa usada pelos advogados do craque foi um problema no helicóptero que o levaria. As autoridades, que haviam se mobilizado para recebê-lo no SAER (Serviço Aeropolicial), na Lagoa, Zona Sul do Rio de Janeiro, onde ele desembarcaria por volta das 16 horas e seria ouvido pelo delegado Pablo Da Costa Sartori no Hangar do Governo do Estado, se irritaram com a atitude.
O pedido para que Neymar prestasse seu depoimento no SAER partiu dos próprios representantes do camisa 10 da Seleção, temendo que ele fosse assediado. No entanto, com o adiamento, ele será obrigado a se apresentar na Cidade da Polícia.
Sobre a acusação de estupro feita por Najila, ainda não há previsão de quando Neymar prestará depoimento. O caso foi registrado em uma delegacia de São Paulo no último dia 31.

Comentários