Globocop cai no Recife e deixa dois mortos - reprodução/ Twitter
Globocop cai no Recife e deixa dois mortosreprodução/ Twitter
Por O Dia
Publicado 23/01/2018 09:09 | Atualizado 23/01/2018 10:19

Recife - Um Globocop caiu na manhã desta terça-feira na Praia do Pina, na Zona Sul de Recife, por volta das 6h15 da manhã. O acidente aconteceu logo depois que o helicóptero fez as imagens da abertura do jornal Bom Dia Pernambuco. Três pessoas estavam na aeronave, duas delas morreram e a terceira foi encaminhada para o Hospital da Restauração (HR), na área central da capital. 

O Globocop foi revisado na semana passada e já havia feito vários voos normais desde então. O helicóptero pertencia à empresa Helisae, que prestava serviços para a Globo há mais de 15 anos. Ainda não se sabe a causa do acidente. 

Testemunhas disseram ao canal Globo News que houve um clarão e, então, o helicóptero rodopiou e caiu. O comandante da aeronave, Daniel Galvão, morreu. Uma mulher não identificada chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos. O operador de transmissão Miguel Brendo foi socorrido em estado gravíssimo e encaminhado ao Hospital da Restauração.

No momento do acidente estava chovendo no Recife. Os bombeiros foram acionados para o resgate e usaram motos aquáticas para localizar o helicóptero, que afundou logo depois do acidente.

Em seu site, a Helisae informa que trabalha na captação de imagens aéreas, aerofotografia, aerofilmagem, aeroinspeção, aeroreportagem e aeropublicidade desde junho de 2005. Diz, ainda, que atende grupos empresariais do ramo de petróleo, gás, energia, construção e órgãos do governo.

 Com informações do Estadão Conteúdo

 

Você pode gostar
Comentários