Vídeo: PMs fazem manobra e salvam bebê engasgado que havia parado de respirar

'É uma sensação maravilhosa. Quando senti seu coração batendo em minha mão, chorei', disse o cabo Renato Tarocoaroco, que realizou a manobra que salvou a criança recém-nascida em Marília, no interior de São Paulo

Por ESTADÃO CONTEÚDO

PMs salvam bebê engasgado em Batalhão de Marília, no interior de São Paulo
PMs salvam bebê engasgado em Batalhão de Marília, no interior de São Paulo -

São Paulo - Os pais de um recém-nascido entraram desesperados em um batalhão da Polícia Militar na noite da última segunda-feira em Marília, cidade do interior de São Paulo. Com a criança nos braços, pediram por socorro. O bebê havia engasgado e parado de respirar.

Um vídeo de câmeras de segurança do batalhão registrou todo o desespero do casal e os procedimentos feitos pelos policiais até que o bebezinho voltasse a respirar. "A criança chegou desacordada, roxa e sem batimento cardíaco. Tivemos que realizar a manobra três vezes e apenas na terceira tentativa conseguimos reanimá-lo", conta Taroco.

Com apenas 21 dias de vida, a criança havia engasgado com leite. Eram cerca de 20h quando o casal o levou ao 9º Batalhão da PM. Os cabos Renato Taroco e Robson Thiago de Souza, que faziam a guarda do batalhão, realizaram os procedimentos da manobra de Heimlich (método de desobstrução de vias aéreas), e salvaram o bebê.

Após ser salvo pelos dois policiais, o bebê foi encaminhado a um hospital para atendimento médico e passa bem. "É uma sensação maravilhosa. Quando senti seu coração batendo em minha mão, chorei', disse Taroco.

O vídeo, reproduzido em telejornais e em mídias sociais, emocionou telespectadores e internautas.

Confira:

Comentários