Aluna de 15 anos passa mal dentro de escola e tem morte cerebral

Aluna do IFES sentiu forte dor de cabeça durante a aula e foi levada ao hospital, mas não sobreviveu

Por O Dia

Adolescente teve AVC após sentir dor de cabeça em sala de aula
Adolescente teve AVC após sentir dor de cabeça em sala de aula -
Espírito Santo - Uma aluna do Instituto Federal do Espírito Santo (IFES), do campus Cariacica, morreu após sentir uma forte dor de cabeça em sala de aula, nesta terça-feira. Maria Júlia Calmon de Andrade, de apenas 15 anos, foi encaminhada ao Hospital Infantil de Vitória, mas não resistiu e teve morte cerebral confirmada. Nesta quarta-feira, a família recebeu a informação de que se tratou de um AVC. As informações são do site Gazeta Online.
Questionada, a família de Maria Júlia afirmou que ela nunca tinha apresentado nenhum problema sério de saúde anteriormente. "Menina saudável, perfeita, não havia reclamação de nada", contou sua madrinha ao site.
Maria Júlia, além disso, era uma aluna dedicada. Ela havia passado em primeiro lugar em seu curso no Ifes e ganhado medalha de bronze nas Olimpíadas de Matemática, segundo sua tia. Ela fazia parte da turma do Curso Técnico em Manutenção de Sistemas Metroferroviários e faria 16 anos no próximo dia 11 de julho. 
O Ifes de Cariacica emitiu uma nota oficial, através de sua página no Facebook, onde informou que decretou luto oficial e suspendeu todas as atividades desta quarta-feira.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários