Alcolumbre deve assumir Presidência durante viagens de Bolsonaro, Mourão e Maia

O próprio Bolsonaro está em viagem até o próximo dia 31 à Ásia e ao Oriente Médio

Por ESTADÃO CONTEÚDO

Davi Alcolumbre preside a sessão conjunta
Davi Alcolumbre preside a sessão conjunta -
Brasília - O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), deve assumir a Presidência da República de quarta-feira a sexta-feira. A passagem pelo cargo deve ocorrer por uma combinação de viagens de autoridades que estão na linha de sucessão do presidente Jair Bolsonaro (PSL).

O próprio Bolsonaro está em viagem até o próximo dia 31 à Ásia e ao Oriente Médio. O vice-presidente, general Hamilton Mourão, estará no Peru de 23 a 25 e o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM), cumprirá agendas na Inglaterra e Irlanda.

Mourão disse nesta segunda-feira, que irá ao Peru para assinar acordo sobre embarcação com a Marinha daquele pais.

Antes de assumir a Presidência, Alcolumbre pode colocar em pauta a votação no Senado do segundo turno da reforma da Previdência. Segundo Mourão, a expectativa do governo é votar o texto nesta terça-feira.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários