Corpo de Gugu deve chegar ao país até quinta

Velório do apresentador acontecerá na Assembleia Legislativa de São Paulo

Por ESTADÃO CONTEÚDO

Gugu Liberato
Gugu Liberato -
O corpo do apresentador Gugu Liberato - morto nesta sexta-feira, após um acidente doméstico - deve chegar no Brasil até a próxima quinta-feira, de acordo com informações da assessoria de imprensa do comunicador. O presidente da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) ofereceu o Salão Nobre da Casa para o velório.

A ideia da família, segundo a assessoria, é abrir o velório ao público, que tanto apoiou Gugu durante sua carreira na TV. Ainda não há informações oficiais, porém, de quando acontecerá o velório e o sepultamento, que será feito no jazigo da família no Cemitério do Morumbi.

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), decretou luto oficial de 3 dias em todo o estado.
LEIA MAISFilha de Gugu Liberato se pronuncia após morte do apresentador

A demora no traslado do corpo se deve ao fato de que Gugu expressou o desejo de ser doador de órgãos. O corpo só poderá ser transportado após os procedimentos - que devem beneficiar 50 pessoas, de acordo com informações da equipe médica.

Gugu Liberato morreu aos 60 anos, em Orlando, na Flórida, onde tinha uma residência. Ele havia sido internado em um hospital após sofrer um acidente doméstico. Ele caiu de uma altura de quatro metros quando fazia um reparo no ar-condicionado no sótão da casa.

A morte encefálica foi confirmada pelo professor Dr. Guilherme Lepski, neurocirurgião brasileiro chamado pela família, que após ver as imagens dos exames em detalhes, confirmou a irreversibilidade do quadro clínico diante da mãe do apresentador Maria do Céu, dos irmãos Amandio Augusto e Aparecida Liberato, e da mãe de seus filhos, Rose Miriam Di Matteo.

Comentários