Campanhas de vacinação ampliarão públicos-alvo

Calendário de 2020 terá mudanças nas imunizações contra gripe, febre amarela e sarampo

Por O Dia

Imunização contra gripe ocorrerá entre 13 de abril e 15 de maio, de acordo com o Ministério da Saúde
Imunização contra gripe ocorrerá entre 13 de abril e 15 de maio, de acordo com o Ministério da Saúde -

A população contará com novidades no calendário nacional de vacinação em 2020. De acordo com as mudanças anunciadas pelo Ministério da Saúde, a imunização contra a febre amarela alcançará todos os municípios brasileiros, sendo que uma dose a mais (de reforço) será dada a crianças de 4 anos. Em relação à vacina contra a gripe, pessoas a partir de 55 anos passarão a ser incluídas no grupo prioritário.

Atualmente, fazem parte desse grupo aqueles com idade a partir de 60 anos, crianças entre seis meses e 6 anos (5 anos, 11 meses e 29 dias), trabalhadores de saúde, gestantes, entre outros.

Com isso, o público-alvo da imunização contra a gripe representará aproximadamente 67,7 milhões de pessoas, apontou o Ministério da Saúde em ofício que enviou no fim de novembro às secretarias estaduais e municipais de Saúde. O documento diz que a campanha será realizada entre 13 de abril e 15 de maio.

Sobre as mudanças na ação contra a febre amarela, todo o país passará a ser considerado área de recomendação para a vacina. Isso incluirá 1.101 municípios de sete estados do Nordeste: Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará e Piauí.

Sarampo

O ministério detalha ainda no documento a vacinação contra o sarampo. Serão duas campanhas para públicos não contemplados em 2019: em fevereiro e março, para quem tem de 5 a 19 anos, e em agosto, para adultos de 30 a 59 anos.

A pasta também pretende fazer, em setembro, imunização contra a poliomielite e multivacinação para atualização da caderneta da criança e do adolescente.

Com Estadão Conteúdo

 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários