Aluno denunciado por racismo é afastado de universidade na Bahia

Apesar da medida, ele poderá frequentar as aulas do seu curso, a proibição é para o local que houve o ato

Por O Dia

Aluno poderá seguir normalmente em seu curso na universidade
Aluno poderá seguir normalmente em seu curso na universidade -
A direção da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) optou por afastar preventivamente o aluno que cursa Ciências Sociais e foi denunciado por racismo. Ele ainda não foi comunicado oficialmente da decisão. Apesar da medida, ele poderá frequentar as aulas do seu curso, a proibição é para o Centro de Artes, Humanidades e Letras (CAHL) onde aconteceu o ato.

O estudante não quis pegar a prova das mãos da professora. Com o fato, ela foi até a o caso como racismo. Ele alega que não pega objeto das pessoas e que já passou por situações parecidas.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários