FHC critica fala de Bolsonaro sobre petista

No início da semana, 20 governadores divulgaram uma carta em reação ao presidente na qual afirmam que as declarações de Bolsonaro "não contribuem para a evolução da democracia no Brasil"

Por ESTADÃO CONTEÚDO , Estadão Conteúdo

Ex-presidente Fernando Henrique Cardoso
Ex-presidente Fernando Henrique Cardoso -
São Paulo - Em palestra para prefeitos do interior paulista recém-filiados ao PSDB, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso criticou as declarações do presidente Jair Bolsonaro sobre o governador da Bahia, Rui Costa (PT), e as insinuações de que a Polícia Militar do Estado teria executado o miliciano Adriano da Nóbrega, apontado como chefe do Escritório do Crime.

"Foi uma grosseria inaceitável. Se você precisa tratar bem os deputados, o que dizer dos governadores? Não me lembro de já ter visto uma carta assinada pela maioria dos governadores contra o presidente da República. Uma coisa rara, que mostra como é rara a gravidade do ato", disse FHC na última terça-feira, 18, no evento em São Paulo.

No fim de semana, Bolsonaro, ao comentar a morte de Nóbrega - ocorrida no município baiano de Esplanada no dia 9, após um cerco policial - afirmou que Rui Costa "mantém fortíssimos laços de amizade com bandidos".

No início da semana, 20 governadores divulgaram uma carta em reação ao presidente na qual afirmam que as declarações de Bolsonaro "não contribuem para a evolução da democracia no Brasil" e defendem mais diálogo com o governo federal.

Críticas

Ainda segundo FHC, Bolsonaro "governa por antagonismo", o que, segundo o ex-presidente, não é o melhor caminho. O governador de São Paulo, João Doria, que chegou ao evento tucano durante a fala de Fernando Henrique, também criticou o presidente, de quem sem tornou desafeto.

"Vocês estão assistindo à palestra de um democrata que nunca desrespeitou um jornalista, que nunca mudou o tom para atacar a imprensa", disse Doria em referência às ofensas sofridas pela jornalista da Folha de S.Paulo Patricia Campos Mello.

Organizado pelo presidente estadual do PSDB, Marco Vinholi, que também é secretário estadual de Desenvolvimento Regional, o evento de anteontem marcou a filiação de oito prefeitos do interior ao partido.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários