PGR pede abertura de inquérito

Por

Ontem a Procuradoria-Geral da República (PGR) solicitou ao Supremo Tribunal Federal (STF) a abertura de um inquérito para apurar "fatos em tese delituosos envolvendo a organização de atos contra o regime da democracia participativa brasileira", informou o procurador-geral da República, Augusto Aras. O caso está em sigilo e tem entre os alvos deputados federais, o que justifica a competência da Corte para o caso.

Mais cedo o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, condenou qualquer tipo de autoritarismo e de ataque contra as instituições democráticas. Toffoli afirmou que não há qualquer solução para o país que não seja dentro da democracia.

"Neste momento, é bom sempre relembrar a importância que essas seis instituições tiveram na redemocratização do País, no processo constituinte", disse Toffoli.

Comentários