Nelson Teich é convidado para ser conselheiro do Ministério da Saúde

Convite ao ex-ministro, que pediu demissão da pasta no último dia 15, foi feito pelo atual ministro interino Pazuello

Por IG - Último Segundo

O ex-ministro da Saúde, Nelson Teich, não quis continuar com Bolsonaro
O ex-ministro da Saúde, Nelson Teich, não quis continuar com Bolsonaro -
Brasíli - O ex-ministro Nelson Teich foi convidado por Eduardo Pazuello, atual comandante da pasta, para ser conselheiro de assuntos estratégicos do Ministério da Saúde.

A criação do conselho é uma ideia de Pazuello. Teich, no entanto, ainda não respondeu ao convite. O empresário Carlos Wizard Martins já foi confirmado como um dos conselheiros da pasta; ele ajudará nas compras de respiradores e insumos para produção de cloroquina.

Teich pediu demissão na última sexta-feira, 15, menos de um mês após assumir o cargo. “Não vou manchar a minha história por causa da cloroquina”, disse o oncologista. O principal motivo da saída foi a divergência com o presidente Bolsonaro (PSDB) quanto ao protocolo do uso do remédio.

Em seu lugar, assumiu o então secretário-executivo, general da ativa Eduardo Pazuello, que já nomeou 13 militares para atuarem na pasta, além de modificar protocolo que libera, no SUS, o uso da cloroquina em casos leves da covid-19.

Comentários