'Não vou esperar f**** minha família ou amigo para trocar a segurança', afirma Bolsonaro

Os vídeos integram o inquérito que investiga suposta interferência do presidente da República na Polícia Federal, após denúncias do ex-ministro da Justiça Sergio Moro

Por O Dia

Presidente Jair Bolsonaro
Presidente Jair Bolsonaro -
Rio - O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou que não iria "esperar f**** a sua família e amigos para trocar alguém da segurança no Rio de Janeiro em um dos trechos da reunião ministerial do governo federal no dia 22 de abril. Nesta sexta-feira, um mês após o encontro, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Celso de Mello divulgou o vídeo da conferência que integra o inquérito que investiga suposta interferência do presidente na Polícia Federal.
"Eu não vou esperar foder a minha família toda, de sacanagem, ou amigos meu, porque eu não posso trocar alguém da segurança na ponta da linha que pertence a estrutura nossa. Vai trocar! Se não puder trocar, troca o chefe dele! Não pode trocar o chefe dele? Troca o ministro! E ponto final! Não estamos aqui pra brincadeira", diz o presidente. 
Assista ao trecho da fala de Bolsonaro: 
Os vídeos integram o inquérito que investiga suposta interferência do presidente da República na Polícia Federal, após denúncias do ex-ministro da Justiça Sergio Moro. O ex-juiz federal pediu demissão do seu cargo no governo Bolsonaro no dia 24 de abril, dois dias após a reunião. 
 
Confira os vídeos da reunião ministerial, em 10 partes:

Comentários