Reunião ministerial do dia 22 de abril - Marcos Corrêa/PR
Reunião ministerial do dia 22 de abrilMarcos Corrêa/PR
Por IG - Último Segundo
São Paulo - Durante uma live em seu Facebook, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) comentou como achou desnecessário a divulgação do vídeo da reunião ministerial e, principalmente, como os seus ministros foram expostos.

"Entreguei com dor no coração. Ao divulgar falas que nao tinham nenhuma relação de causa com o inquérito em si, suspendendo a classificação de secreta daquele video, teve seus problemas para os ministros".

Bolsonaro falou sobre as frases polêmicas de Weintraub. "O ministro da educação jamais falaria aquilo num ambiente como o nosso ou numa reunião aberta, mas ali era reservado", comentou o presidente.

Ricardo Salles, da pasta de do Meio Ambiente, também foi defendido pelo presidente. "O ricardo salles que falou da boiada, ele jamais se expressaria daquela meneira em público. Ele quer é desregulamentar muita coisa, a lei ambiental é terrivel", complementou Bolsonaro.